Relação de candidatos eleitos no período de 1945 a 1990 e Consulta às pesquisas registradas

Relação de candidatos

O sistema contém informações sobre os candidatos eleitos no período de 1945 a 1990 para os cargos de presidente, vice-presidente, senador, deputado federal e governador.

Organizado a partir da documentação histórica arquivada na Seção de Arquivo do TSE, principalmente atas de apuração e mapas eleitorais, objetiva tornar públicos os resultados das eleições naquele período. A finalidade é que o material seja pesquisado por historiadores, estudantes e outros interessados em conhecer mais profundamente a história das eleições representativas no Brasil.

Com isso, qualquer cidadão terá livre acesso a essas informações, visualizando os dados dos candidatos eleitos: o nome, conforme registro de candidato; o partido pelo qual concorreram; o quantitativo de votos; a unidade federativa; e o ano da eleição.

A pesquisa deverá ser realizada sem a utilização de acentos gráficos.
Quaisquer dúvidas, entre em contato com [email protected]

Pesquisas eleitorais

Conforme art. 33 da Lei nº 9.504/97 e Resolução-TSE nº 23.190, as entidades e empresas que realizarem, para conhecimento público, pesquisas de opinião pública relativas às eleições 2010 ou aos candidatos, deverão registrar cada pesquisa perante a Justiça Eleitoral a partir do dia 1º de janeiro. Esse registro deve ocorrer até cinco dias antes da divulgação da pesquisa.

O registro é feito perante o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), nas pesquisas referentes à eleição presidencial, e nos tribunais regional eleitorais (TREs), as pesquisas referentes às eleições federais e estaduais.

Todo o procedimento encontra-se detalhado na Resolução. As entidades e empresas devem se cadastrar para acesso ao Sistema Informatizado de Registro de Pesquisas Eleitorais (PesqEle, link abaixo). Apenas mediante o PesqEle é possível gerar o documento de protocolo para cada registro de pesquisa (vide art. 4º da Resolução).

A Justiça Eleitoral publica, na internet e nos locais de costume, o aviso de registro de pesquisa eleitoral, para conhecimento geral. Tanto os avisos quanto as informações das pesquisas registradas podem ser consultados aqui.

Os avisos ficam disponíveis por 30 (trinta dias).

IMPORTANTE

Ainda de acordo com o art. 33 da Lei nº 9.504/97, os portais da Justiça Eleitoral disponibilizam as informações das pesquisas de opinião pública relativas às eleições ou aos candidatos, quando realizadas para conhecimento público. Os dados publicados são fornecidos, integralmente, pelas entidades e empresas que as realizam. Nesse contexto, o Tribunal não realiza qualquer análise qualitativa, defere ou homologa o teor, método ou resultado das pesquisas. A finalidade é apenas uma: dar publicidade às informações prestadas e, com isso, permitir a ação fiscalizadora das agremiações político-partidárias e do Ministério Público.

Registro de empresas e entidades de pesquisas e cadastro de pesquisas

Consulta às pesquisas registradas

Consulta aos Avisos de Registro de Pesquisa

Sobre Carlos Augusto 9519 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).