Confira a coluna de Antônio Larangeira de 19 de julho de 2010

Antônio José Larangeira.
Antônio José Larangeira.

Pró-cultura

Pessoas dos meios artístico cultural e esportivo, tanto faz amador como profissional, podem através da Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer e da Fundação Cultural Municipal Egberto Tavares Costa, fazer inscrição no Programa de Incentivo Cultural e Esportivo (Pró-Cultura Esporte) até o dia 30 de julho. Este ano, a Prefeitura de Feira de Santana disponibiliza para o programa, R$ 300 mil que advêm da renúncia fiscal do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) e do Imposto Sobre Serviço (ISS). Os patrocinadores dos projetos, pessoas físicas ou jurídicas, devem ser inscritas no Cadastro de Contribuintes do Município. O abatimento será de até 20% do imposto devido, até o limite de um terço do total dos custos operacionais do projeto – inclusive sobre impostos vencidos inscritos na Dívida Ativa ou ajuizados.Segundo a diretora do Departamento de Atividades Culturais da Fundação Cultural, Maria de Lourdes Barreto, até o momento já foram realizadas 41 inscrições no projeto. Entretanto, ela acredita que ao se aproximar do prazo de encerramento das inscrições irá aumentar a demanda de interessados

Procon

A falta de empacotadores nos supermercados da cidade, desde quando a Lei foi implantada, era um problema sanado e não existia nenhum tipo de reclamação referente a isso e precisamos nos preocupar com serviços mais essenciais, a exemplo da vigilância dos bancos”, declarou à mídia o diretor do Procon Kelton Arapiraca. Segundo ele, equipes de fiscalização do PROCON fazem, semanalmente, coleta de preços nos supermercados.para verificar a situação”, garante.

A palavra…

A ultima edição do projeto “Com a Palavra o Escritor”, que ocorre mensalmente na Fundação Casa de Jorge Amado (Pelourinho) teve como tema principal em debate a poesia. O convidado, o mineiro Wilmar Silva, promoveu uma discussão sobre os novos rumos da poesia brasileira, a necessidade de incluí-la no currículo escolar de crianças e adolescentes e a relação entre poesia escrita e interpretada. Wilmar fez ainda uma provocação, questionando se é possível considerar poesia como literatura. O público presente assistiu ainda a uma performance do poeta, que leu alguns de seus trabalhos durante o evento.

Cinema Francês

O Centro Universitário de Cultura e Arte (Cuca) e o Serviço Social do Comércio (Sesc) realizam mais uma parceria com a Mostra do Cinema Francês Contemporâneo. A abertura da mostra foi iniciada na sexta-feira (16), a partir das 19h30, no Teatro do Cuca. Houve a apresentação de duo de violões com Hamilton Gonçalves e Lázaro Neris, conferência ministrada pela professora Leni David com o tema “A influência da Cultura Francesa no Brasil após a Revolução de 1781” e a exibição do filme “A França” (2007), de Sege Bozon. Por último, um coquetel será oferecido aos participantes. A mostra será realizada até o dia 10 de agosto, com entrada é franca. O Sesc é parceiro do Cuca em eventos de valorização da cultura popular como o Bando Anunciador, a Caminhada do Folclore e o Palco Giratório, entre outros.

Hans Schaeppi

O Abrajetiano Hans Schaeppi, um dos fundadores da Abrajet, e responsável durante 20 anos pela coluna “Hotelaria e Turismo” d’A TARDE da Bahia, e há 15 anos pela coluna Turismo da Gazeta do Turismo, Jornal da Abrajet-BA e do regional AGORA, de Itabuna(BA), recebeu no dia 28 de junho, Dia da Cidade de Ilhéus, a maior condecoração concedida a um cidadão daquela cidade.

Trata-se da “Comenda da Ordem do Mérito de São Jorge dos Ilhéus”, entregue na mesma solenidade no Teatro Municipal de Ilhéus, ao Governado do Estado da Bahia, Jaques Wagner. Anteriormente, Hans já havia recebido o Título de Cidadão Ilheense, único homenageado em 1985 pela Câmara Municipal de Ilhéus; foi Presidente do Rotary Club de Ilhéus; e eleito membro da Academia de Letras de Ilhéus, juntando-se como “imortal” ao seu amigo e compadre Jorge Amado. Recebeu também o Catavento de Prata e o Troféu Primeira Página, em Salvador, por suas atividades na hotelaria.

Além de jornalista, Hans Schaeppi, como engenheiro civil, construiu o primeiro hotel de turismo da região, o Ilhéus Praia Hotel, há 29 anos, e também a primeira fábrica de chocolates finos da Bahia e do Norte e Nordeste do País, a Chocolate Caseiro Ilhéus, que este ano comemora 25 anos.

Candidatura de Humberto Cedraz

Em todas as eleições, o encaminhamento da documentação de pedido de registro de candidaturas sempre foi acompanhado pelo Ministério Público Eleitoral. É comum que haja pedido de impugnações por falta de documentos. Atualmente, o processo eleitoral é totalmente digitalizado e aberto à sociedade, o que vem a corroborar a democracia e assegurar aos eleitores o seu direito de exigir e fiscalizar. O pedido de impugnação não se configura como julgamento. Mais de 70% dos casos são sanáveis apenas com a juntada de certidões ao processo de registro. O candidato Humberto Cedraz enfrenta uma situação simples. Reuniu as certidões referentes às varas criminais das Justiças Federal e Estadual e não atentou para a certidão da vara cível, nova neste pleito. Ontem, 14 de julho, Humberto encaminhou a certidão ao PSDB e o partido encaminhará o documento ao TRE. Humberto Cedraz esclarece que está quite com a Justiça e tranquiliza amigos, colegas, funcionários, eleitores e toda a imprensa.

 Esta coluna é publicada diariamente nos jornais online:

Jornal Grande Bahia. Com. Br

Tribuna da Bahia

Notícias da Bahia. Com. Br

Fale com Antônio José Laraneiras: [email protected]

Sobre Antonio José Larangeira 3065 Artigos
Antonio José Larangeira nasceu em 11 de janeiro de 1945, é natural de Santo Amaro da Purificação (BA), é formado em Administração, pela Faculdade Anísio Teixeira (FAT). Atua como jornalista profissional, com registro nº 514 (SINJORBA/FENAJ) e publica coluna diária nos jornais Grande Bahia, Pátria Latina e Tribuna da Bahia. E-mail: [email protected]