Feira de Santana: hospital da criança é o maior do Norte e Nordeste

O Hospital Estadual da Criança (HEC), em Feira de Santana, onde Wagner participa de caminhada amanhã (23/07/2010), vai realizar 48 mil consultas, 24,3 mil cirurgias e exatas 8.172 internações, somente no primeiro ano em atividade a partir do final do mês de agosto, quando será inaugurado. A unidade já nasce como a maior do Norte e Nordeste do país em atendimento pediátrico de alta complexidade.

Desde a última segunda-feira (19), começaram ser instalados os equipamentos das salas de cirurgia, dos ambulatórios, UTIs, unidades Semi-Intensiva, e clínica, bem como a montagem do almoxarifado, farmácia, lactório, refeitório e cozinha. Em termos de infra-estrutura, o HEC contará com um heliporto e com um sistema de aquecimento solar de água, o que resulta em diminuição dos custos.

A escolha por Feira de Santana, segunda maior cidade do estado (591,7 mil habitantes, segundo estimativa do IBGE), vem no bojo da política de descentralização do atendimento à saúde pública na Bahia. O hospital deverá não só desafogar a demanda ao Hospital Clériston Andrade, o maior do município feirense: a procura de pacientes vindos do interior por vagas nas unidades de Salvador também deve diminuir na mesma medida.

O HEC contará com 280 leitos – 40 de UTI e 30 Semi-UTI -, distribuídos em especialidades pediátricas de média e alta complexidades: traumato-ortopedia, pneumologia, nefrologia, oncologia, oftalmologia, otorrinolaringologia, queimados, cardiologia, cirurgia geral, clínica pediátrica, UTI pediátrica geral e cardiológica, unidade semi-intensiva pediátrica e de atendimento às urgências e emergências clínicas, cirúrgicas e traumato-ortopédicas.

Construído ao lado do Clériston Andrade, o HEC ocupa uma área de 16,2 mil metros quadrados. Foram investidos R$ 52 milhões, valor que soma aos R$ 94,2 milhões investidos durante a gestão Jaques Wagner em três novos hospitais públicos no interior do estado: Mário Dourado Sobrinho, em Irecê, tem 119 leitos, sendo 20 unidades de terapia intensiva (UTIs), o Regional de Juazeiro são 134 leitos, 20 UTIs; o de Santo Antonio de Jesus tem 136 leitos e 10 UTIs. Estas novas 389 vagas vão colaborar para até o final do ano, o governo cumpra a meta de aumentar em 20% o número de leitos hospitalares em toda Bahia. O crescimento de número de UTIs será ainda maior: 80%.

Redação do Jornal Grande Bahia
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 106596 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]