Fabinho nega ter traído o DEM ao apoiar o governo de Wagner e se define como um político que busca um novo começo na vida pública

Jornal Grande Bahia compromisso em informar.
Jornal Grande Bahia compromisso em informar.

Em recente entrevista concedida a uma emissora de rádio feirense, o deputado federal Fernando de Fabinho (DEM), abordou temas diversos e atribuiu a sua ausência da vida pública em função da falta de expectativa política e o declínio do Democratas que foi agravada com a morte do Senador Antonio Carlos Magalhães. “ Me afastei da vida pública para fazer uma reflexão a respeito do partido e até mesmo pensei em abandonar a caminhada de 20 anos na política baiana. Mas admito que estou muito gratificado por fazer parte e integrar o grupo do governador Jaques Wagner”.

Quanto à questão da sua não participação para a sua reeleição no atual pleito eleitoral (2010), o deputado atribuiu aos problemas que resultou no encolhimento do DEM, que segundo ele mudou de nome quando deveria ter mudado de filosofia. Além de acusar o ex-governador Paulo Souto de não prestigiá-lo. “Fiquei por muito tempo isolado e sem manter contato com governador, comportamento que não acontecia com ACM”. Fabinho diz entender o partido como uma grande família e quando você deixa de ser ouvido ou até mesmo consultado acaba se sentindo desprestigiado.

Quanto ao fato de ser considerado por alguns colegas como traidor por ter deixado o partido e migrado para fazer parte do grupo político de apoio ao governo de Wagner, ele argumenta: “ não me considero traidor, a minha atitude e o ato por mim praticado é de um político lúcido quem busca um novo começo na vida pública”, garante

Também foi enfático ao afirmar que ao concluir o seu mandato, em janeiro estará migrando para outro partido e lamenta o fato de que após a morte de ACM não tenha ocorrida nenhuma iniciativa ou qualquer motivação voltada para agregar os militantes do DEM, o que muito lhe desagradou. Na sequência conclamou os feirenses para que dêem preferência nas eleições em 2010 aos candidatos da terra. Definiu o governador Wagner como um político comunicativo e participativo e fez uma avaliação positiva da administração do prefeito de Feira, Tarcízio Pimenta.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 109903 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]