Em nota oficial Carlos Geilson confirma que foi ao médico mas nega pressões por parte de José Ronaldo

Carlos Geilson durante lançamento da candidatura. "Não recebi pressão alguma, ou mesmo qualquer pedido por parte do ex-prefeito José Ronaldo, para não comparecer à audiência pública citada" Foto: Carlos Augusto | Guto Jads | Jornal Feira Hoje
Carlos Geilson durante lançamento da candidatura. "Não recebi pressão alguma, ou mesmo qualquer pedido por parte do ex-prefeito José Ronaldo, para não comparecer à audiência pública citada" Foto: Carlos Augusto | Guto Jads | Jornal Feira Hoje
Carlos Geilson durante lançamento da candidatura. "Não recebi pressão alguma, ou mesmo qualquer pedido por parte do ex-prefeito José Ronaldo, para não comparecer à audiência pública citada"   Foto: Carlos Augusto | Guto Jads | Jornal Feira Hoje
Carlos Geilson durante lançamento da candidatura. “Não recebi pressão alguma, ou mesmo qualquer pedido por parte do ex-prefeito José Ronaldo, para não comparecer à audiência pública citada”
Foto: Carlos Augusto | Guto Jads | Jornal Feira Hoje

Nota oficial assinada por Carlos Geilson, candidato a deputado estadual pelo PTN:

Caros amigos Guto Jads e Sérgio Jones, foi com surpresa que li, como tenho hábito diário, no Jornal Grande Bahia a seguinte manchete: “José Ronaldo pressionou Tarcízio Pimenta e Carlos Geílson a não receberem o candidato ao governo do estado Geddel Vieira Lima”. Sobre esta matéria, algumas observações.

Não recebi pressão alguma, ou mesmo qualquer pedido por parte do ex-prefeito José Ronaldo, para não comparecer à audiência pública citada, em 14 de junho de 2010, na Prefeitura de Feira de Santana com a presença do ex-ministro da Integração nacional, Geddel Vieira Lima.

Sobre a afirmação de sua fonte não identificada da matéria de que “Carlos Geilson teve um pico de pressão arterial e foi ao cardiologista, em função das fortes pressões que tem recebido de José Ronaldo”, confirmo que estive no médico, há alguns dias, mas numa atitude normal. É um hábito que mantenho regularmente. Afinal de contas, estamos numa caminha dura pra chegar à Assembleia Legislativa para honrar os feirenses que confiam em mim, e a rotina de campanha é fisicamente desgastante.

Saliento que também não fui desaconselhado a estar na caminhada do candidato Geddel Vieira Lima em Feira de Santana, na segunda-feira passada (19/07). Tinha um compromisso de campanha assumido com bastante antecedência em Salvador. Mantive contato telefônico com Geddel Vieira Lima antes, durante e depois da caminhada.

Sobre Carlos Augusto 9525 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).