Câmara Setorial da Pesca e Aquicultura apresenta propostas

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Jornal Grande Bahia compromisso em informar.
Jornal Grande Bahia compromisso em informar.

Os membros da Câmara Setorial da Pesca e Aquicultura finalizaram o diagnóstico e as sugestões que serão entregues a Secretaria de Agricultura, Irrigação e Reforma Agrária (Seagri), para a elaboração do Planejamento Estratégico da Agricultura. “Após várias reuniões realizadas na sede da Bahia Pesca (empresa vinculada à Seagri), chegamos a um consenso sobre os principais gargalos à competitividade do setor, e o que devemos fazer para a Bahia se tornar o maior produtor nacional de pescado”, conta o secretário executivo da câmara e presidente da Bahia Pesca, Isaac Albagli.

As propostas de ações prevêem as táticas a serem adotadas no curto e no longo prazo, em doze eixos estratégicos, a exemplo de assistência técnica, crédito ao produtor, comercialização, promoção e marketing, infraestrutura e logística, defesa agropecuária, governança, legislação e gestão da qualidade. “Entre as sugestões que apresentaremos ao secretário Eduardo Salles, e que serão apresentadas na Conferência Estadual das Câmaras Setoriais do dia 9 de agosto (quando todas as cadeias produtivas do estado mostrarão o que foi debatido nas suas respectivas áreas), está a criação de uma política de incentivo fiscal sobre os produtos da atividade e a criação do Conselho Estadual da Pesca e Aquicultura”, conta Albagli.

Outras sugestões que serão detalhadas na Conferência Estadual são a implantação de novas unidades de produção de gelo e beneficiamento do pescado, melhoria da estrutura de transporte e escoamento, melhoramentos genéticos e a criação de fundo de pesquisa para as universidades baianas, entre outros.

Sobre Carlos Augusto 9652 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).