Unesco condena assassinatos de quatro jornalistas

Jornal Grande Bahia compromisso em informar.

Três jornalistas filipinos e um hondurenho foram mortos só em junho; Ela afirmou estar convencida de que autoridades dos dois países não deixarão os ataques contra os jornalistas sem punição.

A Organização das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura, Unesco, condenou o assassinato de três jornalistas nas Filipinas e de um executivo de televisão em Honduras no mês de junho.

Em nota nesta segunda-feira, Irina Bokova, diretora-geral da agência, pediu aos dois países para garantirem que os responsáveis sejam levados à justiça.

Punição

Ela afirmou estar convencida de que autoridades filipinas e hondurenhas não deixarão os ataques sem punição.

Desidario Camangyan, de 52 anos, era apresentador da rádio local Sunrise FM, na cidade de Manay, nas Filipinas. Ele era conhecido por criticar indústrias de mineração e de exploração de madeira.

Joselito Agustin, de 37 anos, foi morto quando retornava para casa após o trabalho na rádio filipina Aksyon.

Nestor Bedolio foi o terceiro jornalista filipino morto só este mês. Ele trabalhava para a publicação Kastigador e foi atingido por seis tiros em 19 de junho.

Honduras

Em Honduras, Luis Arturo Mondragón Morazán, proprietário e diretor do canal de televisão 19, foi morto por dois atiradores ao deixar a emissora.

Irina Bokova afirmou que o assassinato precisa ser investigado, assim como os casos anteriores no país. A diretora-geral da Unesco disse que é preciso conter a onda de violência que está minando a democracia em Honduras.

*Com informação da Rádio ONU em Nova York.*

Redação do Jornal Grande Bahia
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 108272 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]