Sede do governo da Bahia é transferida para Cachoeira nesta sexta

Jornal Grande Bahia compromisso em informar.
Jornal Grande Bahia compromisso em informar.

Nesta sexta-feira (25/06/2010), a cidade de Cachoeira, a 111 quilômetros de Salvador, no Recôncavo Baiano, passa a ser sede do Governo da Bahia, pelo terceiro ano consecutivo. O ato cumpre o que está previsto na Lei 10.695/07, aprovada pela Assembleia Legislativa da Bahia e sancionada pelo governador Jaques Wagner.

O decreto determina que todos os anos, no dia 25 de junho, a sede do governo seja instalada no município, já que, nesta data, em 1822, os cachoeiranos deram início às lutas pela Independência da Bahia, que culminaram com o 2 de Julho. Em 2010, Cachoeira comemora 188 anos de sua independência de Portugal. A cidade abrigou pela primeira vez a sede do Governo da Bahia em 2008.

Programação
As comemorações do dia 25 começam com a salva de tiros, às 6 horas. Já às 8h, acontece o hasteamento das bandeiras nacional, estadual e municipal, na Praça da Aclamação; seguida da celebração do Te-Deum, na Igreja da Ordem Primeira. Às 10h, está prevista a entrega das obras de requalificação da orla de São Félix. No período da tarde, às 15h, começa a sessão solene na Câmara Municipal, e às 16h tem início o desfile cívico.

História

O dia 25 de junho é o marco das lutas de Cachoeira no processo da independência da Bahia, culminada em 2 de julho de 1823. Em junho de 1822, os cachoeiranos assumiram a liderança do movimento que deflagrou a guerra pela independência baiana, ao reagir às investidas de uma tropa de militares portugueses, a bordo de canhoeira lusitana fundeada no Rio Paraguaçu, que tentava sitiar a vila com o objetivo de sufocar a mobilização popular contra a dominação colonial. E foi no dia 25 que vereadores reunidos no prédio da Câmara redigiram uma ata aclamando D. Pedro de Alcântara, príncipe regente perpétuo do Brasil, com o povo em marcha pelas ruas da então Vila de Nossa Senhora do Rosário do Porto da Cachoeira. Pelos feitos heróicos de seu povo, o imperador D. Pedro I, em 1837, elevou a antiga vila à categoria de cidade, com a denominação de Heróica Cidade da Cachoeira. As comemorações na cidade também marcam a abertura das celebrações em homenagem ao Dois de Julho no Recôncavo Baiano. Até lá, acontecem várias atividades cívicas para comemorar o 25 de junho, a data magna de Cachoeira, e a Independência da Bahia.

Transmissão

A TVE Bahia faz a cobertura da cerimônia de transferência da sede do Governo da Bahia. Das 8h às 13h, a emissora mostra flashes ao vivo do hasteamento das bandeiras na Praça da Aclamação e da solenidade religiosa do Te Deum na Igreja Matriz de Nossa Senhora do Rosário.

A partir das 15h, a cobertura prossegue com a sessão solene na Câmara Municipal e, às 16h, com o desfile cívico de encerramento pelas ruas da cidade. A apresentação será do jornalista Robson do Val, com comentários dos historiadores convidados Manoel Passos, Cacau Nascimento e Walter Fraga.

Serviços

Ainda como parte da cerimônia de instalação do Governo do Estado em Cachoeira, serão oferecidos diversos serviços aos moradores da região, conforme programação abaixo:

SAC

A carreta do SAC Móvel inicia por Cachoeira a Rota da Independência. Serão emitidas mais de quatro mil gratuidades para a carteira de identidade, nos dezessete dias de trabalho da Rota da Independência, que percorrerá mais seis municípios baianos. Em Cachoeira, a carreta permanece de 25 a 28 de junho. Para retirar identidade na carreta do SAC Móvel, o cidadão precisa levar duas fotos 3X4 atuais e com fundo branco e certidão de nascimento ou casamento originais e sem rasuras. Além da identidade, o SAC Móvel vai estar emitindo primeira via do CPF, realizando recadastramento de pensionistas do Estado, emitindo certificado de Antecedentes Criminais e primeira via da Certidão de Nascimento. Mais informações sobre a rota do SAC Móvel e sobre os serviços prestados podem ser obtidas pelo telefone 0800 071 5353.

IMA

Durante todo o dia 25, o Instituto do Meio Ambiente (IMA) estará no município de Cachoeira, com sua unidade móvel e uma equipe multidisciplinar, prestando serviços à comunidade e desenvolvendo as seguintes atividades: Reciclagem, Fiscalização Participativa, Biblioteca Ambiental, Oficina de Material Reciclável, Oficina de Origami e Ouvidoria.

SJCDH/PROCON

O PROCON disponibilizará duas atendentes para orientar e tirar dúvidas do consumidor, das 8h às 15h.

FUNDAÇÃO PEDRO CALMON

A Fundação Pedro Calmon/Secult, em parceria com o SAC Móvel, realizará oficinas de leitura, contação de histórias e performances literária, nas cidades que integram a Rota da Independência, nos seguintes dias: Cachoeira (25 a 28/06), Muritiba (29 e 30/06), Governador Mangabeira (1° e 2/07), Maragojipe (3 e 4/07), São Francisco do Conde (5 e 6/07), Santo Amaro (7 e 8/07) e São Gonçalo dos Campos (9 e 10/07).

SECULT

Assinatura do decreto que estabelece que a Festa da Boa Morte um Patrimônio Imaterial da cultura no Estado. Todos os anos durante quase dois séculos acontece no mês de agosto uma das celebrações religiosas mais importantes da cidade de Cachoeira, na região do Recôncavo da Bahia: A Festa de Nossa Senhora da Boa Morte e Glória, passou a ser pesquisada desde o ano passado (2009) pelo Instituto do Patrimônio Cultural e Artístico do Estado (IPAC), órgão da Secretaria de Cultura (SecultBA), quando o governador Jaques Wagner anunciou o início dos trabalhos para tornar essa manifestação um Patrimônio Cultural Imaterial da Bahia, processo que será concluído com a publicação de Decreto assinado pelo governador no Diário Oficial do Estado no final deste mês (junho/2010). O ciclo de festa da Boa Morte acontece entre os dias 13 e 17 de agosto.

Redação do Jornal Grande Bahia
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 108694 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]