ONU pede que países intensifiquem esforços no combate ao crime organizado

Jornal Grande Bahia compromisso em informar.
Jornal Grande Bahia compromisso em informar.

O secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), Ban Ki-moon, pediu hoje (17/06/2010) que a comunidade internacional intensifique os esforços “na luta contra o crime organizado”. Segundo ele, só assim será possível reduzir a violência no mundo e conter a fuga de criminosos da Justiça. As informações são do site das Nações Unidas. Amanhã (18) autoridades latino-americanas se reúnem no Paraguai para buscar medidas comuns que limitem a ação dos grupos organizados.

“Devemos usar todos os meios disponíveis para ajudar aqueles que fazem cumprir a lei contra os que transcendem as fronteiras e montam redes criminosas”, disse Moon, na abertura da Assembleia Geral da ONU dedicada a este assunto.

O secretário-geral ressaltou que os grupos criminosos estão infiltrados nos estados e no mercado. Ele lembrou ainda que as forças de segurança – polícias e Exército dispõem de menos armas e equipamentos do que as redes criminosas. “É fundamental haver esforços para combater o flagelo e aderir à lei tanto em nível nacional, como internacional”, disse.

Segundo Moon, é necessário desenvolver mecanismos que colaborem na identificação das necessidades mais urgentes no que se refere à Justiça penal e examinar as medidas em vigência que são bem-sucedidas. “Para combater o crime organizado transnacional, devemos também organizar e trabalhar em conjunto. Temos de agir com mais determinação em relação aos adversários”, disse.

Amanhã (18), o Brasil, a Argentina, o Paraguai e o Uruguai, além da Bolívia e do Equador, devem definir uma série de medidas comuns para o combate à violência e ao tráfico de drogas na região. Os ministros da Justiça e Defesa dos quatro países se reúnem em Assunção, no Paraguai, na tentativa de reforçar os acordos multilaterais e definir ações.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 109790 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]