O primeiro emprego que abriu portas para outros em Camaçari | Por Juarez Duarte Bomfim

Jornal Grande Bahia compromisso em informar.
Jornal Grande Bahia compromisso em informar.

Parecia a realização de um sonho quando o telefone tocou. Do outro lado da linha, um assessor da Prefeitura de Camaçari (BA) convidava para comparecer, na segunda-feira (14/06/2010), no gabinete do prefeito Luiz Caetano. Era a senha para a concretização do primeiro emprego de Elizandra Elenir de Lima e José Henrique Silva Góis que, na semana anterior, em cerimônia na praça Thomé de Souza, em Salvador (BA), receberam os certificados de conclusão de curso das mãos do presidente Lula. Naquela data, os jovens de origem humilde e assistidos pelo programa Bolsa Família conquistaram muito mais do que diplomas – de microfone em punho, Lula pediu que o prefeito Luiz Caetano empregasse os dois numa das obras de Camaçari.

No dia seguinte, Caetano disse ao Blog do Planalto, em entrevista exclusiva, que o pedido do presidente seria atendido. A Sertenge Engenharia, construtora que atua em obras dos programas Minha Casa, Minha Vida ePAC contratou Elizandra para a função de azulejista, e José Henrique como montador de andaimes.

“Quando estávamos para concluir o curso disseram que a gente, com o curso básico, não iríamos a lugar algum. Foi preciso que o presidente Lula pedisse por todos nós. Isso é uma benção enorme. E temos muito que agradecer a ele. Queremos fazer esse agradecimento pessoalmente, mas não sei se isso será possível acontecer. De qualquer modo, aqui na Bahia, estou sendo reconhecido como o filho do Lula. Ganhei meus 15 minutos de fama. Tenho sido procurado por muitos jornalistas para entrevistas”, disse José Henrique, que torce para que outros colegas do curso consigam também empregos.

Elizandra nos contou que “ainda não está acreditando” em tudo o que está acontecendo – conseguir seu primeiro emprego aos 32 anos. Ela e o marido José Nilo tem uma filha de seis anos, Lavínia, e sobrevivem graças a faxinas e venda de salgados na periferia. Para Elizandra, seu caso confirma que o Bolsa Família “não é um programa assistencialista” – trata-se isso sim de dar oportunidade às famílias carentes do País.

Abrindo portas 

A secretária de Desenvolvimento Social de Camaçari (BA), Jailce Andrade, revelou ao Blog do Planalto que os Elizandra e José Henrique abriram as portas para que outros 225 alunos sejam também contratados. Eles irão concluir seus respectivos cursos no próximo dia 30 de junho, em evento que acontecerá no Teatro da Cidade do Saber. Para a festa, o presidente Lula foi convidado, assim como os ministros Carlos Lupi (Trabalho) e Márcia Lopes (Desenvolvimento Social e Combate à Fome).

“Quando conseguimos a colocação para eles no mercado de trabalho formal conquistamos uma grande vitória. Nossa missão quase diária é de fazermos uma ponte com as empresas aqui do município para a busca de oportunidades. A atitude do presidente Lula abriu as portas de muitas indústrias”, contou Jailce, acrescentando que o governo local está formalizando parceria com o Sindicato da Indústria da Construção Civil (Sinduscon)para o encaminhamento de mais mão de obra. Segundo ela, existe demanda por profissionais em Camaçari em função dos empreendimentos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) e o Minha Casa, Minha Vida.

Na próxima segunda-feira (21/6), às 14h30, o governo federal apresentará o Próximo Passo voltado para o turismo, em reunião com empresários do setor. O programa vem obtendo excelente resultado na construção civil. Em apoio ao movimento, conheça os locais de qualificação nos setores da construção civil e turismo.

*Juarez Duarte Bomfim, sociólogo e mestre em Administração pela Universidade Federal da Bahia (UFBA), doutor em Geografia Humana pela Universidade de Salamanca, Espanha; e professor da Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS).

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 114989 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.