Serrinha: feira da agricultura familiar e reforma agrária movimentam região do sisal

Oficinas temáticas, cursos de laticínio, exposições de animais, feira de produtos da agricultura familiar e manifestações culturais. Essas são algumas das atividades da 3ª Feira da Agricultura Familiar e Reforma Agrária do Território do Sisal – Espaço de Comércio Justo e Solidário -, que começa na próxima quarta-feira (19/05/2010) e segue até sexta-feira (21), na Praça Morena Bela, em Serrinha. A iniciativa é do Movimento Social do Território do Sisal, em parceria com a Secretaria da Agricultura, Irrigação e Reforma Agrária (Seagri), através da Empresa Baiana de Desenvolvimento Agrícola (EBDA) e das Prefeituras do Território.

A EBDA terá participação intensa na feira realizando com palestras, exposições de equipamentos, produtos e tecnologias para a agricultura familiar. Em seis toldos serão realizadas demonstrações teóricas e práticas como os trabalhos com sisal, apicultura e meliponicultura com exposição de colméia e produtos apícolas e do artesanato e culinária regional típica.

“Diversos trabalhos que contribuem para o desenvolvimento sustentável da agricultura familiar estarão sendo apresentados. Essa é uma grande oportunidade de os agricultores familiares e visitantes, da região, discutir as políticas públicas agrárias, a assistência técnica e a capacitação com o nosso corpo técnico, que estará presente durante o evento”, disse o presidente da EBDA, Emerson Leal.

Um dos destaques, na feira, será o espaço reservado para exposição e comercialização de caprinos e ovinos. De maneira dinâmica, serão demonstradas tecnologias utilizadas na alimentação animal, como Cilindro separador de mucilagem do sisal, além de máquinas de picar palma, prensa manual para produção de feno e silo cincho.

Os interessados em aprender a produzir derivados do leite, como queijo e iogurte, podem comparecer a sala de cursos, da empresa, exposta na feira. O curso acontecerá nos dias 19 e 20 e será ministrado pelo médico veterinário da EBDA, Geraldo Magalhães.

Exposições de fotos e produtos, da área de agroecologia, canteiros de sisal, exposições de pequenos animais e orientações sobre a Assessoria Técnica, Social e Ambiental à Reforma Agrária (ATES) também serão atividades expostas na feira, sob a orientação dos técnicos da EBDA.

Oficinas e palestras

Ainda estão programadas oficinas temáticas sobre a Nova Lei da Alimentação Escolar, o 2º Encontro de Sementes Crioulas, cursos sobre Técnicas de Produção Agrícola e Sanidade Animal, palestras sobre Mandiocultura e Economia Solidária e Comércio Justo.

Palestras sobre o Programa de Microcrédito Rural do BNB (Agroamigo) e Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), entrega de toldos para comercialização dos produtos, assinaturas de contratos do Pronaf, liberação de cheques de financiamento e mutirão de documentação também serão realizados na feira.

O evento contará com parceria da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), Secretaria de Desenvolvimento Territorial (SDT), Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), Instituto Nordeste Cidadania, entre outros parceiros.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Carlos Augusto 9610 Artigos
Carlos Augusto é Mestre em Ciências Sociais, na área de concentração da cultura, desigualdades e desenvolvimento, através do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais (PPGCS), da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB); Bacharel em Comunicação Social com Habilitação em Jornalismo pela Faculdade de Ensino Superior da Cidade de Feira de Santana (FAESF/UNEF) e Ex-aluno Especial do Programa de Doutorado em Sociologia da Universidade Federal da Bahia (UFBA). Atua como jornalista e cientista social, é filiado à Federação Internacional de Jornalistas (FIJ, Reg. Nº 14.405), Federação Nacional de Jornalistas (FENAJ, Reg. Nº 4.518) e a Associação Bahiana de Imprensa (ABI Bahia), dirige e edita o Jornal Grande Bahia (JGB).