Investimento da Schincariol prevê quase dois mil postos de trabalho na Bahia

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.

A Schincariol, maior companhia de bebidas do país com capital 100% nacional, anunciou nesta sexta-feira (21/05/2010), na Governadoria, investimentos de R$ 400 milhões na Bahia. O valor será aplicado, até 2011, na modernização e ampliação da unidade produtiva instalada no município de Alagoinhas, com vistas à melhoria da eficiência e produtividade da fábrica.

“Do investimento previsto para o Brasil, de R$ 1 bilhão, 40% do total está sendo destinado para a Bahia, que vai contar com uma das cinco maiores unidades de bebidas do país”, disse o presidente do grupo, Adriano Schincariol.

“Hoje, a Bahia é um dos principais estados em nosso faturamento. Chegamos aqui em 1997 e agora estamos dobrando a capacidade de investimento na região Nordeste, que cresce mais que a média nacional, com a Bahia em destaque”, afirmou Adriano.

O investimento vai permitir o aumento de 20% dos atuais quatro mil empregos gerados pela fábrica, entre diretos e indiretos, o que garante 800 novos postos de trabalho no estado. Além desses, durante as obras de ampliação da planta, outros 1,1 mil trabalhadores serão contratados.

“Estou certo de que a dedicação e a competência da mão-de-obra baiana, aliadas à transparência do Estado em preparar as condições necessárias para a chegada de grandes investimentos, foram fatores decisivos para a ampliação da Schincariol na Bahia”, afirmou o governador Jaques Wagner.

Entre as condições necessárias para o aporte dos investimentos, estão os incentivos fiscais concedidos à empresa por meio do programa Desenvolve. O objetivo principal da iniciativa é adensar a cadeia industrial e possibilitar a entrada de novas indústrias no estado.

“O programa dá incentivos sobre o Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) e reduz o seu pagamento mensal. Isso tudo é regulado pela legislação e, no caso da Schincariol, o benefício perdura por 12 anos”, explicou o secretário estadual da Fazenda, Carlos Martins. Ele explicou que, apesar do benefício concedido, o Estado não perde em arrecadação. “Prova disso foi o aumento em 750% da arrecadação de ICMS, nos últimos 12 anos, do Grupo Schincariol”, observou.

Obras de infraestrutura

Além dos incentivos fiscais, os investimentos estaduais em infraestrutura, sobretudo na recuperação de estradas para permitir o escoamento da produção, se destacam no cenário nacional. Dentre esses investimentos, o governador citou “a ferrovia que vamos fazer do Pólo de Camaçari a Aratu, o complexo rodoviário BA-093, que acabamos de licitar, as BRs 116 e 324, que já foram licitadas pelo governo federal, e a BR-101, que deve ser duplicada de Feira de Santana a Sergipe e, no sul da Bahia, de Eunápolis ao Espírito Santo”.

Wagner atentou ainda para os programas de qualificação de mão-de-obra oferecidos pelo Estado, diante da chegada de novos aportes financeiros, como os da Schincariol, Ford, Veracel e Alston, que vão contribuir para ampliar os mais de 210 mil empregos gerados desde 2007.

“Estamos com 40 mil jovens matriculados em cursos de ensino superior profissionalizante e vamos ofertar durante o ano outras 50 mil vagas de cursos mais curtos, de cinco a seis meses, de qualificação de mão-de-obra”, ressaltou o governador.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 112953 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]