ICEB registra em abril aumento da confiança dos empresários baianos

As expectativas dos empresários baianos aumentaram no mês de abril. De acordo com o Indicador de Confiança do Empresariado Baiano (Iceb), calculado e analisado pela Superintendência de Estudos Econômicos e Sociais da Bahia (SEI), autarquia da Secretaria do Planejamento (Seplan), o estado de ânimo dos setores produtivos é de otimismo.

Em março, o índice revelou que as expectativas eram de otimismo moderado (237,7 pontos). O mês de abril marcou 252,5 pontos, uma melhoria significativa da visão dos setores produtivos quanto ao cenário futuro da economia baiana. “O resultado do Iceb, no último mês, é reflexo da boa performance da economia baiana no trimestre, o que gera uma expectativa otimista quanto ao desempenho econômico dos setores nos próximos 12 meses. Dos agentes entrevistados, 48% sustentam a expectativa de abertura de novas unidades produtivas em seus segmentos no período de um ano”, conforme avaliou o coordenador de Estatística da SEI, Armando Castro.

Os setores que mais se destacaram no mês de abril foram Agropecuária e Serviços e Comércio. Em março, o primeiro setor apresentou um estado de ânimo de otimismo moderado (208,3 pontos), passando, em abril, para um estado de otimismo (458,3) registrado pelo Iceb.

Recuperação

De acordo com os técnicos da SEI, o salto no resultado da Agropecuária deve-se, em parte, à recuperação dos preços de algumas commodities agrícolas, a exemplo da soja e do cacau. Já o setor de Serviços e Comércio, que também registrou uma expectativa de otimismo moderado em março (247,7 pontos), teve um crescimento no último mês, revelando um estado de otimismo (274,3). Essa expansão pode ser explicada pelos bons resultados no mercado de trabalho formal nos últimos meses e por conta das vendas no Comércio, que continuam aquecidas desde o ano passado.

O único setor que sofreu queda entre março e abril foi a Indústria, que variou negativamente (-68,5), passando de 226,2 para 157,7 pontos (otimismo moderado). O indicativo do Banco Central de alta da taxa de juros e o fim da redução do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) são algumas das razões que estão afetando a confiança do empresariado baiano.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 109697 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]