Deputado Federal ACM Neto faz discurso duro sobre insegurança na Bahia

Jornal Grande Bahia compromisso em informar.
Jornal Grande Bahia compromisso em informar.

O deputado ACM Neto (DEM) disse hoje (27/05/2010), em discurso no plenário da Câmara Federal, que o governador Jaques Wagner procurou politizar o debate sobre o assassinato do delegado Cleyton Leão Chaves, de Camaçari, ao invés de “reagir com energia, chamando a responsabilidade para si e mostrando que há um governante em nosso estado”. “O governador não pode censurar ninguém. O governador não pode impedir que nenhum de nós denuncie ao país o que está acontecendo na Bahia, que se transformou, nos últimos três anos e meio, em palco da criminalidade, da violência, da insegurança e de episódios como esse que aconteceu ontem na cidade de Camaçari”, afirmou Neto.

ACM Neto lembrou que o brutal assassinato do delegado, que comoveu o Brasil, teve repercussão na imprensa internacional. “A Bahia sempre foi cantada ao mundo pela sua força, pela força dos seus artistas, da sua cultura. A Bahia que se revelou por Jorge Amado, por Caetano Veloso, por Mãe Menininha, por Irmã Dulce e por tantas figuras que construíram e projetaram mundialmente a Bahia. “Hoje, meu estado está no site do The Guardian, um dos principais veículos de comunicação mundial, pela barbaridade ocorrida ontem em Camaçari”, ressaltou.

“Hoje, meu estado é matéria principal do jornal O Globo sob o título “Isto é real”, para mostrar o absurdo desse crime, porque, se o veículo de comunicação não mostrar o tamanho do absurdo e da barbaridade que aconteceu ou se apenas contarmos, as pessoas podem não acreditar”, acrescentou o democrata baiano.

ACM Neto afirmou que, goste ou não, a oposição vai continuar denunciando o descaso do governo Jaques Wagner com a segurança pública. “Ora, será que algum baiano se orgulha de ver seu estado figurando nas páginas policiais dos telejornais, dos jornais impressos e dos principais veículos de comunicação do Brasil e do mundo? Não, isso nos envergonha! Hoje, como baiano, estou envergonhado! E é pela vergonha que toma conta do meu coração que, mais uma vez, venho a esta tribuna para dizer que o Governador Jaques Wagner precisa ter responsabilidade”, disse Neto, que ontem já havia feito um discurso chamando a atenção do país para o crime bárbaro de Camaçari.

O deputado lembrou da matéria da Folha de S. Paulo, publicada na última segunda-feira, mostrando que o governo da Bahia gastou quatro vezes mais em publicidade e propaganda do que em segurança pública. “Os policiais não têm condições mínimas de trabalho, e até existem recursos federais que não são aproveitados por causa da lentidão, porque o governador está de braços cruzados, porque é um governador que não nasceu na Bahia. Mas isso não é problema, porque o coração do baiano é generoso, é capaz de adotar todos”, salientou.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 115163 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.