PSC confirma apoio ao PMDB

Logomarca Jornal Grande Bahia.
Logomarca Jornal Grande Bahia.
PSC confirma apoio ao PMDB.
PSC confirma apoio ao PMDB.

O pré-candidato do PMDB ao Governo da Bahia, Geddel Vieira Lima, recebeu neste sábado (10/04/2010) o apoio do Partido Social Cristão (PSC), no encontro estadual realizado para discutir a conjuntura política baiana. Geddel esteve também presente ao encontro estadual do PSL, partido com quem vem mantendo conversações no sentido de torná-lo “parceiro do projeto de construção de uma nova forma de governar a Bahia”.

No encontro do PSC, Geddel Vieira Lima foi recebido como “futuro governador”, pelos militantes, deputados, vereadores e lideranças que lotaram o salão de convenções do Hotel Vitória Marina. O presidente do partido, Eliel Santana, lembrou que o PSC foi a primeira força política a apoiar o projeto do PMDB em ter candidatura própria à sucessão estadual.

“Desde setembro do ano passado firmamos o compromissos de estarmos juntos com o PMDB, porque acreditamos no projeto do ministro Geddel Vieira Lima e estamos certos de que a partir de 1º de janeiro estaremos em parceria, no governo do Estado”, disse.

Ao agradecer as manifestações de apoio do presidente e parlamentares do PSC e do prefeito de Salvador, João Henrique, o pré-candidato do PMDB garantiu que o seu partido não fará campanha agredindo adversários, mas que pretende demonstrar o quanto a Bahia vem perdendo em oportunidades de desenvolvimento, por conta da inércia do atual governo. Disse também que vai mostrar as soluções apontadas pelo seus partidos e forças políticas aliadas para os graves problemas sociais que hoje atingem o Estado, em áreas como saúde, educação e segurança pública.

“Não podemos sustentar um poder público que mente e engana a população”, disse Geddel, citando como exemplo o caso das ambulâncias adquiridas e enviadas para as prefeituras baianas pelo Governo Federal, que o governador anunciou como sendo realização do seu governo.

Numa análise do quadro social do Estado, o pré-candidato do PMDB apontou a incapacidade do atual governo em universalizar o ensino público a partir da pré-escola e no enfrentamento à crescente violência que hoje se espalha por toda a Bahia.

“Estamos registrando tristes recordes: um carro roubado a cada hora, uma morte por hora nos finais de semana e o que se faz, o governo atribui a culpa ao Crack”, argumentou.

Geddel teve o seu discurso interrompido por diversas vezes pelos aplausos dos militantes do PSC e deixou o encontro aclamado como futuro governador do Estado.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 110984 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]