O ex-governador Paulo Souto cobra direito de cidadãos a serviços públicos de qualidade

Publicidade

Banner da Gujão: Campanha com o tema ‘Tudo fresquinho é melhor’, veiculada em 3 de junho de 2022.
Logomarca do Jornal Grande Bahia.
Logomarca do Jornal Grande Bahia.
O ex-governador Paulo Souto cobra direito de cidadãos a serviços públicos de qualidade.
O ex-governador Paulo Souto cobra direito de cidadãos a serviços públicos de qualidade.

“Desejamos uma Bahia que respeite o direito de seus cidadãos a serviços públicos dignos e de qualidade”, afirmou o presidente estadual do Democratas, o ex-governador Paulo Souto, durante o ato público “O que queremos para a Bahia e Lauro de Freitas”, realizado na noite de segunda-feira (12/04/2010), na Câmara Municipal de Lauro de Freitas. Promovido pelo diretório municipal do PTN, o evento contou com a presença do deputado estadual João Carlos Bacelar (PTN) e reuniu líderes locais do PMDB, PPS, PSL, PSTC, DEM, PMP, além de populares, que lotaram o plenário do legislativo da cidade.

Ao fazer referência aos serviços públicos, Souto destacou a saúde e a segurança pública, como exemplos de setores que não estão tendo a devida atenção do atual governo estadual e apresentam queda de qualidade, embora sejam imprescindíveis aos cidadãos baianos.

“O sistema de regulação que foi implementado durante a minha gestão para facilitar a internação dos pacientes, no atual governo, se transformou num instrumento para evitar o internamento. O trágico resultado é as pessoas estarem morrendo nos postos por não conseguirem vagas nos hospitais para realizar procedimentos necessários à recuperação da saúde”, disse o democrata.

Com relação à segurança pública, o ex-governador lamentou o crescimento acelerado da taxa de homicídios no estado, e o número estarrecedor de 13 mil baianos assassinados em três anos do atual governo. “A taxa de homicídios de Salvador aumentou 80% na atual gestão governamental e já superou a do Rio de Janeiro”.

Para Paulo Souto, os indicadores econômicos melhoraram no período, com estabilidade econômica, aumento de renda e diminuição do desemprego, mas a violência cresceu. Na avaliação dele, o problema é decorrente da má qualidade da gestão do atual governo, que não prioriza a grave questão.

“O governador precisa ser capaz de convencer às polícias sobre a importância de se ter uma nova atitude na segurança pública. No meu tempo, quando havia qualquer indicador de aumento de violência, eu convocava o secretário e o comando da polícia para buscar soluções. Segurança pública é prioridade para quem é governador”, afirmou Souto.

Depois de manifestar publicamente grande simpatia pessoal e elogiar a gestão do ex-governador Paulo Souto, a presidente do diretório municipal do PMDB, Lindaura Francisco dos Santos, demonstrou indignação ao se referir ao atual governo de Jaques Wagner. “O governo de Wagner é só de propaganda. Queremos uma Bahia que não seja de propaganda enganosa. O PT fez faculdade, mestrado e doutorado para aprender a mentir muito bem. Queremos obras, saúde e segurança pública de verdade”.

O presidente estadual do PMP, Nonato Leite, também teceu severas críticas ao atual governo e destacou a gestão de Paulo Souto como responsável e digna. “Vim aqui para homenagear este homem público exemplar que é Paulo Souto”. Já o presidente municipal do PTN, Fernando Lima, agradeceu a participação do ex-governador no ato público, afirmando que a presença de Souto engrandeceu o evento.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 122004 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.