Audiência Pública na Assembleia Legislativa da Bahia para debater Explosão da Fábrica de Fogos de Santo Antônio de Jesus em 1998

Jornal Grande Bahia compromisso em informar.
Jornal Grande Bahia compromisso em informar.

Nesta terça feira, (27/04/2010), acontecerá na Assembleia Legislativa da Bahia uma audiência pública sobre o caso da explosão da fábrica de fogos em Santo Antônio de Jesus, que matou 64 pessoas no dia 11 de dezembro de 1998.

O foco da audiência será a ação penal que aponta como responsáveis pela explosão Osvaldo Prazeres Bastos (conhecido como “Vardo dos Fogos”) e outros sete réus – todos integrantes da mesma empresa ilegal de fabricação de fogos. O caso se arrasta há dez anos na Justiça e ainda não há data prevista para a realização do julgamento.

(LEIA: “ESTADO BRASILEIRO RECONHECEU RESPONSABILIDADE PERANTE OEA”)

A audiência foi convocada pelo Deputado Estadual Yulo Oiticica e terá a participação de representantes de organizações de direitos humanos – entre eles a atriz Maria Zilda Bethlem.

Participantes

Maria Madalena Rocha – Movimento 11 de Dezembro

Ana Maria Santos – Forum de Direitos Humanos de Santo Antonio de Jesus

Manoel Mota – Creche 11 de Dezembro

Luciana Garcia – Justiça Global

Maria Zilda Bethlem – Representante do Movimento Humanos Direitos

Dia: terça-feira, 27 de abril

Horário: 10h

Local: Plenarinho da Assembleia Legislativa da Bahia em Salvador.

Contatos

Ana Maria Santos – Fórum de Direitos Humanos de Santo Antônio de Jesus – (71) 8896-5096
Rosa Rocha – Movimento 11 de Dezembro – (75) 8807-0466

Luciana Garcia – Justiça Global – (21) 8693-1552
Assessoria do dep. Yulo Oiticica (Silene e Luciana) – (71) 3115-7138

VEJA a reportagem “TERRA DE FOGOS”

LEIA: “OUTRAS EXPLOSÕES EM 2007 E 2008”

Redação do Jornal Grande Bahia
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 107981 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]