Tablóide que paga por entrevistas poderia ganhar o Pulitzer?

O tablóide americano de fofocas National Enquirer está sendo cotado para oPrêmio Pulitzer pela cobertura da relação extraconjugal do ex-senador e candidato à presidência John Edwards, mas observadores estão preocupados com a possibilidade de se premiar um jornal que admite pagar suas fontes por entrevistas, informou o New York Times.

A matéria do NYT examina como o Enquirer conseguiu ganhar algum respeito”furando” os jornais tradicionais: “(O Enquirer) escalou vários repórteres para a pauta sobre o Edwards, gastou centenas de milhares de dólares em custos, pagou informantes e publicou notícias inteiramente baseadas em fontes anônimas.” Mas essas táticas colocam em dúvida se o Enquirer poderia ser elegível para o prêmio de jornalismo de maior prestígio no mundo, diz o NYT (o Pulitzer será anunciado no dia 12 de abril).

O editor do Enquirer, Barry Levine, nega que o jornal tenha pagado fontes pelas matérias indicadas para o prêmio. “Mas ele não mencionou o uso da tática nas primeiras reportagens sobre Edwards”, diz o NYT.

Leia +

Mais informações nesta nota em inglês.
Se o Enquirer quer um Pulitzer, precisa tornar-se transparente (DailyFinance)

*Com informações do Centro Knight

Redação do Jornal Grande Bahia
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 108687 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]