Projeto da Ebda é modelo de produção orgânica de leite

Publicidade

Banner da Gujão: Campanha com o tema ‘Tudo fresquinho é melhor’, veiculada em 3 de junho de 2022.
Logomarca do Jornal Grande Bahia.
Logomarca do Jornal Grande Bahia.

Intensificar o modelo de produção orgânica de leite para bubalinos e bovinos com foco nos princípios agroecológicos, através do uso de tecnologias limpas que preservem a saúde humana e a real possibilidade de sustentabilidade econômica das unidades familiares. Esta é uma das metas traçadas este ano pela Secretaria da Agricultura (Seagri), através da Empresa Baiana de Desenvolvimento Agrícola (Ebda), cujo objetivo é otimizar a produção leiteira estadual e colaborar com o aumento da renda dos agricultores familiares sem comprometer a biodiversidade do ecossistema.

Segundo Antônio Vicente Dias, veterinário homeopata da Ebda, os trabalhos de pesquisa acontecem na Estação Experimental de Aramari, onde funciona o Centro de Profissionalização de Produtores de Gado de Leite (Centreleite), e em propriedades particulares na região de Alagoinhas. Nelas, são realizadas ações de manejo orgânico do solo, controle alternativo de formigas cortadeiras, preservação de nascentes, cuidados ambientais, manejo sanitário dos animais e outras atividades, seguindo as orientações dos pesquisadores da empresa, inclusive com o uso de homeopatia e fitoterapia.

Além disso, o projeto envolve ações de recuperação de áreas degradadas do solo, recuperação das matas ciliares e nascentes de recursos hídricos, inclusive com a preocupação com o conforto e o bem-estar animal, análise da qualidade do leite e integração de outras culturas ao sistema.

O modelo de produção orgânica do leite apresenta princípios agroecológicos com bases de sustentabilidade. Este instrumento permite ao agricultor familiar produzir a partir das técnicas orgânicas que não prejudicam o meio ambiente nem os seres humanos, ao mesmo tempo em que os resultados proporcionam a produção e a produtividade necessárias ao sustento da família agrícola.

De acordo com o presidente da Ebda, Emerson Leal, devido à importância da profissionalização de produtores rurais como suporte ao trabalho de extensão rural e principalmente como instrumento de fortalecimento da agricultura familiar, a empresa vem realizando no centro de pesquisa de Aramari um programa intensivo de profissionalização. “Nessa linha, temos como objetivo promover, através de processos educativos, a qualificação profissional de produtores rurais nos aspectos gerenciais, ambientais e tecnológicos, com base na agroecologia”, disse.

O diretor de Pecuária da Ebda, Osvaldo Sant’Anna, informou que o próximo passo são as inovações tecnológicas combinadas com as práticas tradicionais dos agricultores.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 123215 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.