Programa Habitacional Morar Legal irá contemplar 266 famílias de baixa renda em Feira

Logomarca do Jornal Grande Bahia..Logomarca do Jornal Grande Bahia..

O programa habitacional Morar Legal, desenvolvido pela Prefeitura de Feira de Santana, através da Secretaria de Habitação e Regularização Fundiária, já está contemplando 266 famílias de baixa renda. Estão sendo construídas duas unidades habitacionais no loteamento Bem-Te-Vi, bairro Pedra do Descanso, e mais uma no Alto do Papagaio.

Em uma das unidades, no Bem-Te-Vi, são 99 casas que estão sendo construídas através de mutirão, ppr mulheres de uma associação. A Prefeitura doou terreno, todo material de construção e ainda forneceu mais dois pedreiros e dois serventes, que orientam e auxiliam as próprias famílias a construírem suas moradias.

Nesta localidade, as obras estão sendo executadas por etapa. A primeira, iniciada no dia 16 de janeiro deste ano, visa o levantamento de 10 unidades habitacionais, sendo que as demais serão construídas gradativamente, sempre em blocos de 10 unidades.

As unidades habitacionais contemplam mulheres cadastradas através da Associação de Mães do Bairro Rua Nova, sendo também estendida para moradoras do bairro Chácara São Cosme que não possuem moradia própria. “Na grande maioria são mães solteiras, separadas ou viúvas”, relatou o secretário de Habitação e Regularização Fundiária, Antônio Carlos Borges Júnior.

A vice-presidente do Instituto Social Grupo de Mulheres, entidade que acompanha a execução das obras, Leidimiris de Lima Carvalho, observa que as obras ganham novo impulso sempre que chega nova remessa de material de construção. Assim foi também na manhã de sexta-feira (26), quando a Prefeitura, através da Secretaria de Agricultura, Recursos Hídricos e Desenvolvimento Rural, encaminhou água em caminhão pipa para o local. “O apoio do governo é importante e necessário para que as obras continuem avançando”, ressaltou Maria das Graças Moreira Santos.

No loteamento Bem-Te-Vi a Prefeitura também está retomando as obras de construção de outras 99 unidades habitacionais, ocupadas antes da conclusão. A continuidade dos serviços está sendo possível em função do Governo Municipal ter acionado o Ministério Público.

Estas obras estão sendo executadas pela Prefeitura em parceria com a Caixa Econômica Federal. Está sendo desenvolvida por etapa, sendo que nesta primeira contempla 14 unidades habitacionais.

Já no Alto do Papagaio estão sendo construídas 68 unidades habitacionais, também através do programa Morar Legal. Estão sendo realizados cursos de mão-de-obra, saúde e boa vizinhança, na igreja católica, voltado para os beneficiados. As obras também estão sendo desenvolvidas através de parceria com a Caixa Econômica Federal, responsável pela doação de material de construção, enquanto a Prefeitura doa os lotes e urbanização das ruas.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Redação do Jornal Grande Bahia
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]