Museu Casa do Sertão expõe bonecas terapêuticas e ecológicas | Por Ligia Motta

Logomarca do Jornal Grande Bahia..
Logomarca do Jornal Grande Bahia..

Em exposição até 30 de abril de 2010, no Museu Casa do Sertão, a exposição “Bonecas Terapêuticas e Ecológicas”, da artesã Marilene Brito. O evento que faz parte das comemorações ao mês da mulher apresenta 41 bonecas de tamanhos e formas variadas criadas a partir de armação com arame flexível, sacos plásticos (utilizados no revestimento), linhas coloridas para costura e bordados, tecido em malha ou algodão. As roupas coloridas homenageiam a mulher do campo.
Marilene Brito nasceu em 9 de maio de 1958 em Feira de Santana, na Fazenda Engenho Velho, distrito de João Durval Carneiro, antigo Ipuaçu. Foi alfabetizada aos 12 anos de idade, formando-se no curso de Magistério. Ainda criança dedicou-se ao artesanato, ofício que aprendeu com o pai. Desde o tempo em que pouco se falava na utilização de resíduos – material reciclável – ela já aproveitava as mais diversas sobras de materiais, como goma de mandioca, grãos de milho e de feijão, papel, retalhos, embalagens plásticas, entre outros.

A falta de recursos e o desejo de brincar deram à artesã a inspiração para confeccionar as primeiras bonecas durante a infância. Em 2006 expôs “Bonecas do Sertão”, “no Museu Casa do Sertão. No mesmo ano, dispondo de técnica mais aprimorada, expôs as bonecas artesanais durante o 7º Mercado Cultural Mundial, realizado no salão da reitoria da Universidade Federal da Bahia (UFBA).

Para a diretora do Museu Casa do Sertão, Cristiana Ramos, Cristiana Ramos, o aproveitamento de materiais nocivos a natureza põe Marilene em lugar de destaque na luta pela preservação ambiental. Vale à pena conferir! A exposição encanta a todos os visitantes.

Redação do Jornal Grande Bahia
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 108825 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]