Governo do Estado anula edital do Hospital da Regional da Chapada e o deputado Gaban comemora afirmando que é uma vitória da moralidade

Logomarca do Jornal Grande Bahia..Logomarca do Jornal Grande Bahia..

O deputado estadual Gaban afirmou nesta quarta (03/03/2010) que a anulação do edital de construção do Hospital da Chapada, publicada no Diário Oficial de hoje, é mais uma vitória da oposição da Bahia em relação às graves irregularidades que vem acontecendo no Governo Estadual, sobretudo no âmbito da Secretaria da Fazenda.

“O secretário Jorge Solla foi às rádios defender de maneira enfática o estranho edital que previa administração de uma unidade que ainda não existia e encobria a parte da construção, de forma a impedir que muitas empresas pudessem participar do certame. Chegou depois até a ofender os deputados da oposição. Mas agora vai ter que engolir essa decisão da PGE, que certamente terá continuidade com a ação do Ministério Público”, disse Gaban.

Gaban lembrou que, desde 2007, o secretário Jorge Solla vem se envolvendo em decisões polêmicas, muitas das quais que foram alvo de ações na Justiça. “Ele interrompeu um contrato licitado com uma cooperativa para terceirizar e até quarteirizar o atendimento médico. Foi acusado – e até hoje não provou o contrário – de que se auto-contratara como consultor internacional. É o campeão de dispensas de licitação no governo. É muita confusão para um só secretário”.

Agora o próximo passo da oposição é solicitar à Justiça que investigue com rigor os casos do Hospital Eládio Lasserre, em Cajazeiras, e do Hospital Geral de Itaparica. “O próprio diretor de licitações da Sesab admitiu em entrevista ao jornal A Tarde de que nessas duas unidades foi utilizado o mesmo modelo que o do Hospital da Chapada. Então tudo deve ser investigado, a bem da moralidade e do erário público”, afirmou o deputado do DEM.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Redação do Jornal Grande Bahia
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]