Da Jordânia, Wagner comemora mais um recorde na geração de empregos na Bahia. Feira de Santana posiciona-se em 1º lugar na criação de postos

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Logomarca do Jornal Grande Bahia.
Logomarca do Jornal Grande Bahia.

“Tenho dito que desejo ver a Bahia como a locomotiva do Nordeste”. Foi dessa forma, na Jordânia, onde acompanha o presidente Lula na missão ao Oriente Médio, que o governador Jaques Wagner comemorou os números do CAGED, divulgados nesta quarta-feira (17/03/2010). A Bahia responde por 99,85% do saldo de empregos de toda a região Nordeste no primeiro bimestre deste ano: 20.512 dos 20.543 novos postos de trabalho.

“Os números mais recentes da nossa economia estão mostrando que o esforço conjunto do governo, na parceria com o governo federal, dos empresários e dos trabalhadores baianos, consolida a nossa posição de liderança”, disse Wagner. Ele e o presidente Lula receberam a notícia nesta quarta-feira, quando chegavam para um jantar oferecido pelo Rei Abdullah II e pela Rainha Rania à comitiva brasileira.

Para o governador, que na semana passada comemorou o crescimento de 1,7% do PIB baiano em 2009, os números do CAGED só reforçam a tese do acerto do investimento na área social. “Apesar da crise, alcançamos o recorde histórico de investimentos, com R$ 1,32 bilhão aplicados prioritariamente na infraestrutura social, e isso nos garante dinamizar a economia enquanto resgatamos direitos essenciais como o acesso a água”, analisou o governador.

Wagner vibrou ainda com o que considera um grande êxito de sua estratégia de governo: a desconcentração das oportunidades. O município que mais gerou empregos foi Feira de Santana (1.248), seguido de Camaçari (1.002), com Salvador na terceira posição (893), no mesmo período.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 113826 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]