Comunidade participa da audiência pública em Feira de Santana e primeira etapa de relocação das famílias da Lagoa Grande fica para junho

84 Famílias serão relocadas da Lagoa Grande em junho de 2010. A segunda etapa do projeto está prevista para dezembro de 2010. Foto: Carlos Augusto | Guto Jads | Jornal Feira Hoje84 Famílias serão relocadas da Lagoa Grande em junho de 2010. A segunda etapa do projeto está prevista para dezembro de 2010. Foto: Carlos Augusto | Guto Jads | Jornal Feira Hoje
84 Famílias serão relocadas da Lagoa Grande em junho de 2010. A segunda etapa do projeto está prevista para dezembro de 2010.   Foto: Carlos Augusto | Guto Jads | Jornal Feira Hoje

84 Famílias serão relocadas da Lagoa Grande em junho de 2010. A segunda etapa do projeto está prevista para dezembro de 2010. Foto: Carlos Augusto | Guto Jads | Jornal Feira Hoje

Com as dependências do auditório do Colégio Modelo Luiz Eduardo Magalhães, em Feira de Santana, totalmente ocupadas, aconteceu hoje (12/03/2010) pela manhã, a Audiência Pública em que foi discutido a relocação das famílias do bairro Lagoa Grande e da Avenida Ayrton Senna e a situação geral dos projetos urbanos da Conder, que de acordo com os moradores que residem no entorno da Lagoa está custando sair do papel.

O evento contou com a coordenação do deputado estadual Zé Neto e com as presenças do secretário de Desenvolvimento Urbano do Estado, Afonso Florence, que na oportunidade disse que todas as reivindicações justas contarão com o respaldo do governador Jaques Wagner, além de garantir que até o mês de Junho, ocorrerá a relocação da primeira etapa dos mil moradores, que vivem em situação de risco e extrema pobreza, da Lagoa Grande para o Núcleo Habitacional Conceição, construído próximo ao bairro Santo Antonio dos Prazeres.

A primeira etapa do núcleo habitacional, com 84 residências deverá ser concluida em junho. A conlusão de toda obra está previsto para acontecer em dezembro deste ano. ´”Importante frisar que o deslocamento destas famílias não está sendo feito para locais ermos da cidade e sim, para um local privilegiado. Todo o crescimento da cidade está avançando para esta localidade o que significa que em um futuro próximo será uma área com relativo valor imobiliario e com uma boa qualidade de vida”, garante Florence

Também se fizeram presentes no evento representantes da Empresa Baiana de Águas e Saneamento S.A (Embasa), da Companhia de Desenvolvimento Urbano da Bahia (Conder), da Superintendência de Cosntruções administrativas da Bahia (Sucab), além de representantes de empresas construtoras e gestores municipais.

Ao ser questionado sobre as mudanças do projeto urbano, que inicialmente previra a remoção de todas as famílias residentes naquela localidade, e atualmente só irá contemplar apenas algumas delas. O deputado José Neto argumentou que a mudança ocorrida no projeto inicial levou em consideração os seguintes fatores: a recusa de algumas famílias em serem removidas do local e por este segmento se encontrar em situação fora de risco. Por isso eles deverão continuar onde estão.

O projeto de relocação das famílias do bairro Lagoa Grande está orçado em R$ 46,1 milhões. Os recursos são oriundos do Program de Acelerção do Crescimento (PAC) do Governo Federal, com contrapartida do Governo Estadual.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Redação do Jornal Grande Bahia
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]