Comissão rejeita tarifa uniforme para ligações entre celulares

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Logomarca do Jornal Grande Bahia.
Logomarca do Jornal Grande Bahia.

A Comissão de Defesa do Consumidor rejeitou nesta quarta-feira (17/03/2010) o Projeto de Lei 5301/09, do deputado Antonio Carlos Chamariz (PTB-AL), que proíbe as empresas de telefonia celular de cobrar tarifa diferente para ligação feita a celular de outra operadora (as chamadas ligações fora da rede).

Atualmente, a Lei Geral de Telecomunicações (9.472/97) permite que o consumidor pague um preço mais alto por esse tipo de ligação. Com a mudança prevista na proposta, o valor das ligações para celulares seria uniformizado.

O relator, deputado Vinicius Carvalho (PTdoB-RJ), pediu a rejeição do projeto. Ele argumentou que a lei permite que as operadoras definam suas tarifas com base no custo da ligação. A uniformização, diz o parlamentar, poderia provocar o encarecimento geral das tarifas, como forma de compensar os custos das ligações mais caras.

Carvalho destacou que o setor convive com uma ampla competição, que foi acirrada com a entrada em vigor da portabilidade numérica, no ano passado. Assim, o usuário pode migrar de uma empresa para outra em busca de tarifas menores, mantendo o mesmo número da linha. “O consumidor pode optar pela operadora que melhor lhe convier, de acordo com sua análise de custos e necessidades na prestação dos serviços”, afirmou.

Para ele, a defesa do consumidor tem que ser compatível com a saúde financeira do setor, sob o risco de afetar a receita das operadoras e, por consequência, a qualidade dos serviços.

Tramitação

O projeto tramita em caráter conclusivo e será examinado agora nas comissões de Ciência e Tecnologia, Comunicação e Informática; e de Constituição e Justiça e de Cidadania.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 113752 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]