Mina de urânio na Bahia é segura, segundo auditoria

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Logomarca Jornal Grande Bahia.
Logomarca Jornal Grande Bahia.

Após denúncia de contaminação radioativa em poços d’água no entorno de uma mina de urânio em Caetité, no centro sul da Bahia, a Agência Internacional de Energia Atômica (Aiea), da Organização das Nações Unidas (ONU), realizou vistorias no local e concluiu que as atividades das Indústrias Nucleares do Brasil (INB) atendem os requisitos de segurança e não provocam impactos ao meio ambiente da região.

O pedido de auditoria foi feito pela própria estatal, ligada ao Ministério da Ciência e Tecnologia.

Estudos independentes já demostraram resultados menos animadores. O consumo de água em três pontos da cidade chegou a ser proibido após notificação do Instituto de Gestão das Águas e Clima (Ingá), da Secretaria de Meio Ambiente do estado, apontando índices de radioatividade superiores aos permitidos pelo Ministério da Saúde.

De acordo com o MCT, a missão da ONU concluiu que a unidade de produção da INB “é bem projetada, bem mantida, segura e eficiente”. O relatório preliminar também elogia a operação da estatal, que segundo os especialistas, tem conseguido restringir os efeitos da mineração à área da unidade de produção.

Na última semana, ativistas da organização não governamental Greenpeace estiveram na cidade e realizaram um protesto contra a operação da INB na mina de urânio. De acordo com a organização, o secretário de Recursos Hídricos do município, Nilo Joaquim de Azevedo, foi convidado a beber da água coletada em um dos pontos considerados contaminados, mas se recusou a tomá-la.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 113852 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]