Valente: Sisaleiros pedem socorro

O Jornal Grande Bahia (JGB) é um site de notícias com publicações que abrangem as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador, dirigido e editado pelo jornalista e cientista social Carlos Augusto.
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um site de notícias com publicações que abrangem as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador, dirigido e editado pelo jornalista e cientista social Carlos Augusto.

A Região e o Território do Sisal estarão representados no dia 11 de dezembro, na Casa Brasil, em Valente-BA, no Encontro Regional: “Os Sisaleiros Pedem Socorro” que analisará e construirá propostas concretas e viáveis à solução de problemas com a produção e a comercialização do Sisal.

Atualmente, o setor sisaleiro vem passando por fases difíceis, um delas é a podridão vermelha da palha do sisal, outra é a falta de mercado e a queda dos preços, além da necessidade de pesquisas que garantam maior aproveitamento e novos usos para o sisal.

Lideranças dos Movimentos Sociais, como Urbano Carvalho e Ismael Ferreira têm mostrado grande preocupação com a atual realidade, que se agravou ainda mais a partir da sinalização da Companhia Nacional de Abastecimento (CONAB), no mês de novembro, em suspender a compra da produção de sisal.

Mobilizações de todas as formas foram feitas e encaminhadas ao Governador Wagner, que em 27 de novembro visitou os municípios de Araci, Teofilândia e Conceição do Coité e assegurou que negociaria com a CONAB, no intuito de garantir recurso para equalizar os preços do sisal. No início de dezembro, a Companhia voltou a comprar Sisal.

A compra da produção pela CONAB, ao preço mínimo de R$ 1,04 / kg., beneficia o produtor e o exportador. Essa é a forma justa defendida particularmente por Urbano Carvalho, diretor da Fundação de Apoio aos/as Trabalhadores/as Rurais e Agricultores/as Familiares da Região do Sisal e Semiárido da Bahia (FATRES). “Mas lamentamos que existam trabalhadores/as que emprestam seu CPF e vendem sua produção mais barato para atravessadores” ressalta Urbano.

Para Ismael Ferreira, diretor executivo da APAEB-Valente, o preço mínimo do Sisal é o ideal, já que com essa proposta, o produtor entrega o sisal na batedeira e recebe o valor mínimo e depois com a nota fiscal provando que pagou, recebe do Governo a diferença em relação ao preço de mercado. Isso resolveria o problema dos atravessadores.

“Com o prêmio na exportação, os exportadores também receberiam um valor por quilo para compensar as perdas com a defasagem cambial e garantiriam assim o funcionamento das indústrias, a geração de emprego e a compra da fibra do sisal”, defende Ismael.

O Encontro Regional: “Sisaleiros Pedem Socorro” será realizado para concretizar essas propostas e tem a organização do Conselho Regional de Desenvolvimento Rural Sustentável da Região Sisaleira do Estado da Bahia (CODES-SISAL), e as organizações do Território do Sisal: FATRES, Associação de Desenvolvimento Sustentável e Solidário da Região Sisaleira (APAEB), Movimento de Organização Comunitária (MOC), Fundação de Apoio ao Desenvolvimento Sustentável e Solidário da Região Sisaleira (Fundação APAEB), Cooperativa Regional de Artesãs, Fibras do Sertão (COOPERAFIS), Agência Regional de Comercialização do Sertão da Bahia (ARCO SERTÃO), Sindicatos dos Trabalhadores

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 109881 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]