Tô sabendo que Lincoln Gordon morreu. Pois morreu tarde | Por Oldack Miranda

Abraham Lincoln Gordon (Nova Iorque, 10 de setembro de 1913 – Mitchellville, 19 de dezembro de 2009) foi o embaixador dos Estados Unidos no Brasil entre 1961 e 1966 e nono presidente da Universidade Johns Hopkins entre 1967 e 1971.
Abraham Lincoln Gordon (Nova Iorque, 10 de setembro de 1913 – Mitchellville, 19 de dezembro de 2009) foi o embaixador dos Estados Unidos no Brasil entre 1961 e 1966 e nono presidente da Universidade Johns Hopkins entre 1967 e 1971. Ele foi o embaixador dos Estados Unidos no Brasil entre 1961 e 1966 e nono presidente da Universidade Johns Hopkins entre 1967 e 1971.

 Não estou nem aí. Lincoln Gordon morreu? Pois morreu tarde, muito tarde, pois, pelo mal que fez ao Brasil, ao articular o golpe militar de 1964, interferindo na soberania nacional, merecia ter morrido bem mais cedo. Seria o destino fazendo justiça. Mas o golpista acabou morrendo de velho, aos 96 anos.

Durante o golpe militar de 1964 o sarfadana propôs ao governo dos EUA o envio de uma força-tarefa naval para ajudar os gorilas fardados que tomaram o poder no Brasil, derrubando o presidente João Goulart (1961-1964). Foi a tal Operação Brother Sam. Malditos. O Brasil sofreu um atraso de 24 anos. Tudo o que está ocorrendo agora, poderia ter vindo mais cedo, se os fascistas do Exército Brasileiro não tivessem tomado o poder, expulsado políticos e cientistas, torturado e matado os militantes da oposição. Lincoln Gordon morreu? Pois morreu tarde.

Abraham Lincoln Gordon (Nova Iorque, 10 de setembro de 1913 – Mitchellville, 19 de dezembro de 2009) foi o embaixador dos Estados Unidos no Brasil entre 1961 e 1966 e nono presidente da Universidade Johns Hopkins entre 1967 e 1971.
Abraham Lincoln Gordon (Nova Iorque, 10 de setembro de 1913 – Mitchellville, 19 de dezembro de 2009) foi o embaixador dos Estados Unidos no Brasil entre 1961 e 1966 e nono presidente da Universidade Johns Hopkins entre 1967 e 1971. Ele foi o embaixador dos Estados Unidos no Brasil entre 1961 e 1966 e nono presidente da Universidade Johns Hopkins entre 1967 e 1971.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 114886 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.