Lojas abrem neste domingo, Mundo Maya e Prorrogado funcionamento de posto provisório da Secretaria de Prevenção à Violência

O Jornal Grande Bahia (JGB) é um site de notícias com publicações que abrangem as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador, dirigido e editado pelo jornalista e cientista social Carlos Augusto.
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um site de notícias com publicações que abrangem as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador, dirigido e editado pelo jornalista e cientista social Carlos Augusto.

Lojas abrem neste domingo

Até esta sexta-feira (11/12/2009), como desde segunda-feira (7) que as lojas do comércio de Feira de Santana estão podendo funcionar até às 19 horas. Neste sábado (12) e no sábado (19), o funcionamento do comércio é até às 16 horas. Neste domingo (13) e no domingo (20), as lojas funcionam das 9 às 15 horas.

Na semana anterior ao Natal, da segunda-feira (14) a sexta-feira (18) e de segunda-feira (21) a quarta-feira (23), o comércio fica aberto até às 21 horas. Na véspera do Natal, quinta-feira (24) o comércio funciona até às 17 horas, voltando no sábado do dia 26 até às 14 horas.

A extensão do horário também está autorizada para o funcionamento do mix de lojas do Boulevard Shopping, que prorroga o horário de funcionamento de segunda-feira a sábado, até o dia 22 de dezembro, das 9 às 23 horas.

No domingo (13) o horário de funcionamento será das 12 às 21 horass. Nos dias 28, 29 e 30 as lojas do shopping funcionarão das 10 às 23 horas. No dia 31 de dezembro, o shopping funcionará das 10 às 17 horas. Todas as lojas do Boulevard ficam autorizadas a funcionar a partir das 9 horas no dia 23 de dezembro, de forma ininterrupta até às 17 horas do dia 24.

A Prefeitura de Feira de Santana autorizou o funcionamento de estabelecimentos comerciais em horários especiais, considerando as comemorações dos festejos natalinos. Decreto nesse sentido foi assinado pelo prefeito Tarcízio Pimenta, considerando a celebração de acordo entre o Sindicato do Comércio de Feira de Santana e o Sindicato dos Empregados do Comércio de Feira de Santana, que instituíram um horário diferenciado de abertura do comércio.

Interesse pelo Mundo Maya

Estudantes de todas as faixas e curiosos têm formado o público que visita a exposição internacional “O Mundo Maya em El Salvador”, no Foyer do Museu Parque do Saber Dival da Silva Pitombo. Em pauta até a noite desta sexta-feira (11), até às 21 horas, a interessante mostra completa 11 dias em Feira de Santana, sem cobrança de ingresso. O interesse tem sido patente.

A exposição apresenta 137 peças de artesanato em madeira, pedras e cerâmicas, dando uma dimensão da secular civilização que surgiu 1.800 anos antes de Cristo e que habitou a América Central. “Feira de Santana só tem a ganhar com um evento como este”, considerou a estudante Ana Paula Oliveira. Para ela, “pouco mais de uma semana é tempo curto para a visitação. Uma pena que esteja sendop encerrada”.

A mostra da cultura do povo que se espalhou por uma vasta região, incluindo El Salvador, reúne peças raras, algumas datadas de até mais de 600 anos, como vasos em cerâmica, figuras simbolizando deuses da fertilidade e produtividade, pinturas em vasos diversos com predominância do tigre, antigo símbolo da força do povo Maya. “Desperta em todos a vontade de estudar mais sobre história dos povos, principalmente sobre os maias”, disse a professora Letícia Santos.

Ainda desperta a atenção uma coleção oficial do Consulado Geral de El Salvador na Bahia com caixinhas de surpresa com cenas do cotidiano.

A exposição “O Mundo Maya em El Salvador” marca o primeiro aniversário do Museu Parque do Saber, que foi inaugurado em 15 de dezembro de 2008. A promoção é da Prefeitura de Feira de Santana, através da Fundação Cultural Municipal Egberto Tavares Costa, em parceria com o Consulado Geral de El Salvador na Bahia.

Prorrogado funcionamento de posto provisório

Devido à demanda de pessoas que compareceram ao posto fixo de entrega voluntária de armas e recadastramento, a Secretaria de Prevenção à Violência e Promoção dos Direitos Humanos vai permanecer com posto provisório até o dia 31 de dezembro. Ele está situado na rua Georgina Erismann, antiga Secretaria de Desenvolvimento, centro. Caso a localização do mude, será divulgado até segunda-feira (14).

Também foi estabelecido, na quarta-feira (9), um posto fixo de entrega voluntária e recadastramento em Feira de Santana na Casa da Paz, em uma ação da organização Movimento Internacional Pela Paz (MovPaz), que conta com o apoio da Prefeitura.

Segundo o secretário Misael Freitas Santana esta primeira semana foi bastante positiva por diversos fatores: “houve pelo voluntariado a entrega de muitas armas e de recadastramento, o que demonstra uma participação efetiva do cidadão na campanha e a construção de uma sociedade pacífica”.

Misael Santana diz que este é um primeiro momento de apoio à Campanha Nacional do Desarmamento, e a Secretaria deve dar continuidade. “Muitas pessoas questionaram por que desarmar o cidadão e não o delinquente. Na verdade, quanto menos armas circulando, menos crime. O cidadão vem de forma voluntária se desarmar”, destaca.

Para o secretário, “o deliquente não vai participar da campanha, porque ele está à margem da lei, conceito social e consentimento de cidadania e deve ser combatido pelas forças qualificadas para tal”.

Das dezenas de pessoas que entregaram armas no posto provisório, um professor, que prefere não ser identificado, entregou um revólver calibre 38 e se mostrou aliviado com a ação. “A arma não era registrada, foi comprada nas mãos de terceiros. Mais por questão de segurança em casa em possível assalto para dar um tiro para cima”, explica.

Diz ainda que a entrega foi motivada por precaução à qualquer desastre. “Nunca foi usada e quis entregar porque na sabemos exatamente qual a nossa reação diante das situações. Também com criança em casa; então, para livrar disso é melhor entregar,” relata e incentiva: “Seria bom se todos viessem, porque se vem apenas uma pequena parte, ameniza, mas não resolve a situação”.

O guarda Municipal Fábio Lima, que está acompanhado a campanha no posto, afirma que a entrega de armas e registro comprova que as pessoas tiveram acesso às informações e se motivaram. Após a entrega, as armas serão encaminhadas a Polícia Federal para serem destruídas.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 112723 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]