Disputa por camisa 1 no Flu promete ser acirrada

O ritmo de preparação do Fluminense para o Baianão 2010 segue intenso e mesmo com os dirigentes mantendo a base do time campeão da Copa Jaques Wagner, a disputa pela titularidade em alguns setores promete ser acirrada. A meta tricolor é um dos setores, onde três jogadores – Alan, Marcos Vinícius e Gil – vão brigar com “unhas e dentes” para ver quem será o camisa 1 do tricolor feirense para estrear diante do Bahia de Feira, no dia 17 de janeiro de 2010.

Normalmente, o goleiro, dentre os jogadores que compõem um elenco, é o mais experiente, mas no Fluminense, por enquanto, este paradigma foi quebrado, pois a posição em disputa tem concorrentes com menos de 27 anos. Dos três, Gil de 26 anos, é o mais experiente: depois de passar todo o primeiro semestre na reserva do Feirense, foi para o Fluminense, onde passou a ser titular no Campeonato Brasileiro da Série D e teve uma boa participação no geral. Mesmo com crédito, perdeu a vaga para Alan, jogador que vinha como reserva há quase dois anos e que teve notabilidade na Copa Jaques Wagner.

Na verdade, Alan, de 22 anos, aproveitou a brecha deixada pelo experiente Hudson que foi contratado para ser titular, mas se contundiu. O então reserva agarrou a oportunidade e se transformou num dos atletas mais importantes e decisivos na conquista da Copa Governador. A sua performance foi tamanha que, no decorrer da competição, chegou a ser sondado para defender o Paysandu/PA, mas ele renovou contrato com o tricolor feirense.

Correndo por fora está Marcos Vinícius, de 23 anos, que chegou recentemente ao clube vindo do futebol do Espírito Santo. Tem a seu favor o fato de ter sido formado nas divisões de base do Vitória, considerada como uma verdadeira “fábrica” de goleiros, já que revelou para o Brasil e o Mundo jogadores como Dida, Fábio Costa, Paulo Musse, Nilson e Juninho. Com poucas oportunidades no rubro-negro, ele foi emprestado ao Ipitanga, onde teve uma boa participação no certame estadual deste ano, sendo peça decisiva para livrar o Tucano do rebaixamento para a 2ª divisão de 2010.

Com estas opções, o treinador Laelson Lopes ganhou uma boa “dor de cabeça” para definir quem será o dono da camisa 1 do Touro do Sertão. Profissional que pode contribuir de maneira decisiva para a escolha é o preparador de goleiros Robson Leão. “Nesse momento, é complicado dizer quem será titular, porque todos goleiros são bons. O Alan leva uma ligeira vantagem por ter terminado o ano como titular, mas isso agora não é nada porque o Gil e o Marcos estão de olho na vaga e ele terá que treinar muito, se quiser continuar como titular”, avalia.

A situação só começará a ser definida a partir desta semana, quando o técnico Laelson Lopes deve comandar o primeiro treinamento coletivo do Fluminense. A atividade deve acontecer amanhã.

*Com informação do site ofutebol.com.br

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 115045 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.