Bahia se consagra como o melhor destino turístico do Brasil

O Jornal Grande Bahia (JGB) é um site de notícias com publicações que abrangem as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador, dirigido e editado pelo jornalista e cientista social Carlos Augusto.
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um site de notícias com publicações que abrangem as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador, dirigido e editado pelo jornalista e cientista social Carlos Augusto.
Bahia se consagra como o melhor destino turístico do Brasil.
Bahia se consagra como o melhor destino turístico do Brasil.

A Bahia está no imaginário do brasileiro como o melhor destino turístico do país. Quem já veio quer voltar e quem não veio quer desfrutar da alegria do seu povo, da comida, da música e das belezas naturais da Boa Terra. Esse desejo está comprovado por uma pesquisa encomendada pelo Ministério do Turismo ao Vox Populi, que ouviu 2.500 pessoas em todo o Brasil e atestou o que todo baiano já sabe: este é o melhor lugar para se viver.

A alegria dos baianos atrai 6,5 milhões de turistas durante o ano inteiro. E é por isso que o governo da Bahia está proporcionando melhorias nas áreas de infraestrutura turística, sinalização, capacitação, qualificação, inovação em produtos, captação de voos e promoção turística nacional e internacional.

Todo o trabalho de promoção é feito pela Bahiatursa, empresa da Secretaria do Turismo, que ainda administra os centros de convenções de Ilhéus, Porto Seguro e Salvador.

Algumas melhorias dos centros de convenções já estão sendo feitas. Em Salvador, a reforma conta com investimentos de R$ 15 milhões. Na primeira etapa, foram substituídos os gradis, elevadores, escadas rolantes, iluminação e paisagismo. Neste mês de dezembro é a vez de toda a cobertura do prédio central e do pavilhão de feiras e da reforma dos auditórios, salas, corredores e Teatro Iemanjá, localizados no quarto piso.

O espaço ficará interditado de dezembro a abril de 2010, quando estará pronto para receber o mais importante evento internacional do ano, o 12º Congresso da ONU, com a presença de 80 chefes de Estado, incluindo o presidente Lula.

Esses reparos tornarão o Centro de Convenções de Salvador mais competitivo na disputa pelos eventos nacionais e internacionais, mantendo a Bahia no primeiro lugar em eventos do Norte/Nordeste e terceiro do Brasil, perdendo apenas para São Paulo e Rio de Janeiro.

Novos voos internacionais

Para facilitar a chegada dos turistas, um trabalho intenso de promoção foi realizado. Segundo dados da Organização Mundial do Turismo (OMT), os turistas do mundo inteiro priorizam o acesso, ou seja, preferem viajar a destinos que tenham voos diretos com menos de cinco horas de duração.

Considerando essa tendência, a Bahiatursa buscou junto às companhias aéreas dos mercados prioritários negociar novos voos. Essas conquistas representaram para o estado um salto de 14 voos (em 2007) para 29 voos (em 2009), provenientes de Madri, Buenos Aires, Lisboa, Frankfurt e Miami.

Recentemente, a Air Europa anunciou a retomada de três frequências vindas de Madri. A Aerolineas Argentinas anunciou mais outras duas, vindas de Buenos Aires.

Produtos e Segmentos Turísticos

Espicha Verão

Premiado pelo reconhecido Top de Marketing, o Espicha Verão de Salvador se consagrou em 2009 como o melhor programa de turismo do Brasil, estendendo-se para outros cinco municípios da Bahia (Itacaré, Praia do Forte, Ilhéus, Porto Seguro e Lençóis).

Alcançando o seu objetivo de aumentar a permanência do turista no estado, após o Carnaval, o programa agradou a 97,5% do público, sendo que 98,8% desejou a repetição do Espicha Verão no próximo ano, segundo dados da pesquisa realizada pela Secretaria do Turismo.

Em 2009, o programa trouxe grandes nomes da música popular brasileira, a exemplo de Gal Costa e Luiz Melodia, e resgatou a cultura do interior com a participação de grupos folclóricos e teatrais, num lindo palco flutuante na praia do Porto da Barra.

Enoturismo

Colhendo bons resultados do lançamento no ano passado, o enoturismo praticado em Juazeiro e em Casa Nova atraiu mil visitantes por mês. Esse resultado influenciou diretamente no desenvolvimento econômico da árida região do Vale do São Francisco, aumentando a autoestima dos moradores, que fazem questão de dizer que do vale brotam as melhores uvas e mangas do Brasil e que agora milhares de turistas desfrutam do sabor do vinho e do surubim ali produzidos.

O jornal O Globo fez questão de conferir de perto esse fluxo de visitantes e dedicou um caderno inteiro de turismo ao artesanato, à fruticultura, à culinária e aos passeios de barco no Velho Chico.

Essa promoção turística no Vale do São Francisco reforçou a estratégia da produção associada ao turismo como vetor de sustentabilidade econômica. Os próprios moradores da região plantam, colhem e vendem seus produtos, que abastecem os hotéis e os restaurantes que alimentam toda a cadeia do turismo.

Crie Raízes na Bahia

Neste verão, os turistas que chegarem a Salvador terão a oportunidade de plantar uma árvore e minimizar os impactos ambientais. Para isso basta participar do programa Crie Raízes na Bahia, lançado neste mês de dezembro pela Secretaria do Turismo e Bahiatursa, em parceira com a Secretaria do Meio Ambiente. O projeto é voltado ao turista que se preocupa com as mudanças climáticas do planeta e pretende contribuir com a natureza.

De janeiro a março de 2010, o Salvador Bus, ônibus turístico movido a biodiesel, pegará os turistas nos principais hotéis até o Parque de Pituaçu. Esse roteiro é de graça e funciona duas vezes por semana. A divulgação será feita através de campanhas publicitárias, folheteria, camisas e bótons, que estarão espalhados no aeroporto, postos de informação e hotéis.

Turismo GLS

Seguindo uma tendência mundial, a Bahia investiu no mercado gay norte-americano, que anualmente movimenta cerca de US$ 54 milhões. Aproveitando o novo voo diário, a Bahiatursa embarcou nas asas da American Airlines e trouxe 50% dos passageiros daquele país para incrementar o turismo no estado. Isso refletiu não só no segmento gay, como também no mercado do turismo étnico, que teve um aumento de mais de 330% no seu fluxo.

Turismo étnico

A cultura negra da Bahia esteve presente nos Estados Unidos e apoiou 31 eventos e projetos ligados ao segmento. Dentro desse número estão algumas visitas de familiarização com jornalistas daquele país ao nosso estado, que renderam diversas publicações em revistas, jornais, sites. Foi feita uma campanha publicitária na revista Upscale, que é direcionada para o público afrodescendente.

O jornal Estado de S. Paulo publicou no mês de agosto que o único mercado a apresentar crescimento expressivo entre os principais emissores de turistas para a Bahia foi o norte-americano: aumento, entre 2007 e 2008, de 3.478 para 15.085 visitantes.

Essa publicação rendeu outras mídias, locais e nacionais, despertando o interesse em outros estados brasileiros, como Alagoas, Pernambuco, Espírito Santo, Rio de Janeiro, São Paulo, Paraná, Rio Grande do Sul e Distrito Federal, em ampliar e difundir o turismo étnico, gerando discussões, seminários, elaborações de roteiros e até turismo de negócios voltado para esse segmento, como é o caso do estado de São Paulo.

Como consequência, ocorreu um o aumento da demanda, obrigando a Bahiatursa a direcionar ações para as comunidades quilombolas do Baixo Sul, da Chapada Diamantina, com a preparação de novos cursos de qualificação nessas regiões e ampliação de novos roteiros.

Turismo religioso

Em novembro, a Bahiatursa assinou um convênio com o Memorial Irmã Dulce, no valor de R$ 30 mil, para ampliar a participação do local nas maiores feiras turísticas do país. Compreendendo a demanda de visitantes que o memorial terá com a beatificação da freira mais querida dos baianos, a Bahiatursa buscou junto ao Salvador Bus uma parada oficial no local, o que certamente atrairá um maior fluxo de visitantes.

Bahia bem posicionada no Brasil

A Bahia esteve presente nos principais mercados emissores de turista, totalizando 80 eventos, dentre eles, feiras de turismo, festivais gastronômicos, workshops e cursos de capacitação, que renderam ao estado um incremento de 30% no fluxo turístico doméstico, segundo dados do Ministério do Turismo. Os estados considerados prioritários – São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Brasília, Rio Grande do Sul e Florianópolis – receberam uma ampla divulgação da Bahia.

Uma reportagem especial feita pela Folha de S. Paulo mostrou o que o turista pode fazer em Salvador durante 36 horas. Além desse caderno especial, a Bahiatursa fez uma parceria com a Secretaria da Cultura e trouxe dez jornalistas à Bahia para conferir de perto as obras de Auguste Rodin. Essa exposição rendeu matérias em diversas revistas, como a Veja, e nos jornais mais importantes do país, como Folha de S. Paulo, Estadão, Globo, Estado de Minas. Foram realizados cerca de 70 receptivos especiais com baianas típicas nos aeroportos, portos e locais onde ocorreram importantes eventos, a exemplo do jogo da Seleção Brasileira de Futebol, Stock Car, Carnaval, Bota Fora e Cúpula dos Presidentes da América Latina.

Bahia bem posicionada no exterior

A Bahia esteve presente na Alemanha, Estados Unidos, Portugal, França, Argentina, Chile, Espanha, Inglaterra, Itália, Venezuela, Holanda e Suíça, somando-se a 42 ações de promoção, como roadshows, workshops, feiras, seminários e festivais gastronômicos.

Essa imagem do estado foi disseminada pelas baianas típicas, que na maioria dos eventos distribuíram fitas do Bonfim, acarajés e folhetos com os cenários paradisíacos da Bahia. Profissionais da Bahiatursa apresentaram aos agentes e operadores de viagem os destinos mais emocionantes do estado, com destaque para Chapada Diamantina, Itacaré, Recôncavo Baiano, Maraú, Ilhéus, Porto Seguro, Juazeiro, Praia do Forte, Salvador, dentre outros.

Lançamento do Roteiro Internacional BA/AM/RJ

Durante a maior feira de turismo das Américas (Abav), a Bahia se juntou ao Rio de Janeiro e Amazonas para lançar um roteiro de excelência que facilitará a venda do Brasil no exterior, principalmente durante a Copa e as Olimpíadas.

Ações voltadas para estimular viagens dentro da própria Bahia

Para estimular os baianos a conhecer a própria Bahia, a Bahiatursa realizou o Bahia Mostra Bahia, projeto que divulga as belezas naturais, culturais e gastronômicas das 13 zonas turísticas baianas no SAT/Pelourinho, com participação da população, que teve a oportunidade de comercializar esses roteiros a preços mais atrativos.

Também foram criados novos roteiros no Vale do São Francisco, na cidade de Juazeiro (para estimular o enoturismo), nos lagos e cânions do São Francisco, na cidade de Paulo Afonso (com a formatação do roteiro cultural e do ecoturismo) e na cidade de Santo Antônio de Jesus (para estimular o turismo rural).

Para ampliar a oferta de novos produtos de forma integrada e organizada, foram combinados novos roteiros com os estados de Pernambuco, Alagoas e Sergipe. Assim, além dos baianos, os pernambucanos e sergipanos também passam a visitar mais a Bahia no período de baixa estação, onde os preços são mais convidativos e ajudam a sanar os prejuízos causados pela sazonalidade.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 115012 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.