Feira de Santana: arte contemporânea no Irã é tema de palestra no CUCA

Artista visual Zahra Beigi.
Artista visual Zahra Beigi.
Artista visual Zahra Beigi.
Artista visual Zahra Beigi.

Acontece na próxima quinta-feira, 3 de dezembro de 2009, das 15 às 17 horas,  no Centro Universitário de Cultura e Arte (CUCA), a palestra sobre “Arte Contemporânea no Irã” com a artista visual Zahra Beigi. O evento é promovido pelo Grupo Gema, que é formado por artistas, estudantes e pesquisadores, que se propõe a operar procedimentos e intervenções, de modo investigativo e experimental, através de processos artísticos contemporâneos, tendo como referência a produção artística atual em seus diferentes meios de expressão. Zahra Beigi, 28 anos, é ganhadora do Prêmio Sacatar  para residência artística internacional, através do programa UNESCO/ASCHBERG.

A artista trabalha com pintura e fotografia. Iraniana, de Teerã, Zahra acredita que haja muitas diferenças culturais entre seu povo e os brasileiros, principalmente as mulheres. Ao longo de seu período de residência, ela pretende trabalhar com a linguagem visual das mulheres iranianas, suas apreensões, seus sinais e pensamentos em comparação às mulheres brasileiras. A partir daí, pretende realizar workshops sobre a cultura, as mulheres e a juventude de seu país.

O Instituto Sacatar, localizado na ilha de Itaparica, é uma organização sem fins lucrativos que premia pessoas criativas e artistas de todas as disciplinas e nacionalidades, oferecendo tempo e espaço para dedicarem a suas produções, para que possam trabalhar dentro do contexto cultural da Bahia. O Sacatar fornece passagem aérea, estúdio, residência com alimentação a artistas escolhidos através de concorridos processos seletivos, como o do programa de bolsas para artistas da UNESCO/Aschberg e a 9ª Bienal do Recôncavo, realizada pelo Centro Cultural Dannemann. Ainda em cartaz na Galeria Carlo Barbosa do Cuca/Uefs a mostra “Muitos Destinos uma só Bahia” com trabalhos desenvolvidos pelos artistas franceses Jean-Marc Godes,Sophie Preveyraud, Étienne Yver e Dany Leriche durante os meses de julho, agosto e setembro. Inicialmente, os artistas fizeram imersões em comunidades das cidades de Juazeiro, Igatu/Andaraí, Vitória da Conquista, São Félix e Feira de Santana.

No retorno, já no Instituto Sacatar, em Itaparica, eles repercutiram o resultado de suas pesquisas na produção das obras de arte que integram a exposição. O evento é fruto do programa de Residências Artísticas Sacatar e integra a programação do Ano da França no Brasil, iniciativa do Ministério da Cultura.

Redação do Jornal Grande Bahia
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 108163 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]