Senador César Borges (PR/BA) cobra providências contra aumento no número de mortes por dengue e meningite

César Borges alertou que se a situação não for revertida rapidamente, poderá provocar prejuízos ao setor hoteleiro e ao trade turístico.
César Borges alertou que se a situação não for revertida rapidamente, poderá provocar prejuízos ao setor hoteleiro e ao trade turístico.
César Borges alertou que se a situação não for revertida rapidamente, poderá provocar prejuízos ao setor hoteleiro e ao trade turístico.
César Borges alertou que se a situação não for revertida rapidamente, poderá provocar prejuízos ao setor hoteleiro e ao trade turístico.

A dengue já matou 66 pessoas na Bahia em 2009. A meningite tirou a vida de outros 33 baianos, sendo que, deste total, cinco residiam nas proximidades de Porto Seguro. Naquela região já foram diagnosticados oito casos de meningite meningocócica. Ao fazer esse balanço, o senador César Borges (PR-BA) cobrou a adoção de medidas imediatas para que novas mortes não ocorram e que o turismo também não seja prejudicado.

– A Bahia está batendo recordes históricos com relação a essa epidemia de dengue. Houve um aumento de quase 200%. O próprio ministro da Saúde, José Gomes Temporão, declarou que a questão da dengue está restrita a quatro estados, a Bahia entre eles. Enquanto os outros fizeram o dever de casa, como o Rio de Janeiro, lamentavelmente a Bahia atingiu esse recorde absoluto na questão da dengue – lamentou César Borges.

O senador disse que a situação em Porto Seguro está tão grave que o jornal A Tarde, o de maior circulação no estado, trouxe matéria de meia página sobre o assunto, intitulada “Meningite faz 5ª vítima em Porto Seguro”. César Borges alertou que se a situação não for revertida rapidamente, poderá provocar prejuízos ao setor hoteleiro e ao trade turístico.

Segurança Pública

Outro assunto abordado pelo parlamentar baiano foi a questão da segurança pública. Ele informou, baseado em notícia publicada no jornal A Tarde, que cerca de 800 pessoas – entre familiares e amigos de 30 vítimas de assassinato nas cidades de Ubaitaba e Aurelino Leal – bloquearam a BR-101 em protesto contra a impunidade. Eles queimaram pneus e galhos na entrada de Aurelino Leal, distante 370 quilômetros ao sul de Salvador.

Segundo César Borges, a insegurança está tão grande na Bahia que em maio de 2007 o prefeito de Aurelino Leal, Gilberto Andrade, foi assassinado e até agora o crime ainda não foi elucidado. O senador também informou que na semana passada o delegado de Ipiaú, André Luiz Serra, foi assassinado em praça pública.

– Outro problema grave, o crack, toma conta hoje da juventude baiana. E não é apenas na capital, mas em todo o estado. A quem devemos apelar? Outro dia assaltaram a Secretaria de Saúde. Caixas eletrônicos foram arrombados dentro das dependências daquele órgão do governo do estado. E a reação do secretário de Segurança foi dizer que os bandidos foram criativos – lamentou César Borges.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 120610 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.