Projeto Cisterna nas escolas realiza em Feira o I seminário de Formação de Professores

O Jornal Grande Bahia (JGB) é um site de notícias com publicações que abrangem as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador, dirigido e editado pelo jornalista e cientista social Carlos Augusto.O Jornal Grande Bahia (JGB) é um site de notícias com publicações que abrangem as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador, dirigido e editado pelo jornalista e cientista social Carlos Augusto.

Professores de treze municípios do semiárido baiano se reúnem, entre quinta (08/10/2009) e sexta-feira (09), em Feira de Santana, para I Seminário de Formação de Professores do Projeto Cisternas nas Escolas. No evento, que acontece na Pousada Central, os educadores discutirão agroecologia, sustentabilidade, segurança alimentar e questões como o papel da escola na construção de políticas públicas para a região. Promovido pelo Centro de Assessoria do Assuruá (CAA), com apoio do Movimento de organização Comunitária (MOC) e Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social e Combate à Pobreza (Sedes), o seminário integra as atividades do projeto que está beneficiando 43 escolas de 13 municípios com a implantação de cisternas destinadas ao armazenamento de água para consumo humano e produção de alimentos.

Além disso, a previsão é que diversas hortas sejam estruturadas nas localidades, completando um conjunto de ações para melhorar as condições nutricionais da população do semiárido, região que concentra os mais baixos indicadores sociais. Com a iniciativa serão atendidos os municípios de Araci, Boa Nova, Boquira, Central, Chorrochó, Iacú, Ibitiara, Lajedo do Tabocal, Marcionílio Souza, Oliveira dos Brejinhos, Pindaí, Quijingue e Ribeirão do Largo. O Cisternas nas Escolas também é fruto da parceria com a Articulação do Semi-Árido (ASA), Governo do Estado, dentro do programa Água para Todos, e Governo Federal. O projeto integra, ainda, as estratégias do Pacto Nacional “Um Mundo para a Criança e Adolescente do Semiárido”, proposto pelo Fundo das Nações Unidas para a Infância (UNICEF). Na região, a pobreza atinge mais de 70% das crianças e adolescentes, situação agravada com a falta de água de qualidade.

O CAA foi fundado há 19 anos na comunidade de Gameleira do Assuruá, no município de Gentio do Ouro. É uma organização não governamental de reconhecida luta pela causa da convivência com o semiárido baiano. Em 2005, transferiu sua sede para Irecê. Promover o acesso à água e ampliar o protagonismo dos sujeitos locais no controle e gestão social das políticas públicas são dois dos principais objetivos do CAA, que é membro-fundador da Articulação do Semi-Árido Brasileiro (ASA).

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Redação do Jornal Grande Bahia
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]