Feira de Santana: Luiz Gomes expõe ‘Rupestres’ e peça teatral de autoria do artista plástico entra em cartaz no CCAAm

Luiz Gomes expõe quadros da série ‘Rupestres’.
Luiz Gomes expõe quadros da série ‘Rupestres’.

Nesta quarta feira dia (21/10/2009) o artista plástico Luiz Eduardo Barreto Gomes (Luiz Gomes) expõe trabalhos de pintura com o tema ‘Rupestres’. Os quadros podem ser vistos no Restaurante Vivas, situado na Rua São Domingos, Bairro Santa Mônica em Feira de Santana. Luiz Gomes também é o autor do texto: Um velório muito estranho. Base para a peça homônima, que entra em cartaz no Teatro do CCAAm (Centro de Cultura Amélio Amorim).

A peça teatral ‘Um Velório Muito Estranho’

Se você pensa que já viu tudo num velório, esqueça e assista “Um Velório Muito Estranho”. Você vai chorar… de rir. Após bem sucedida temporada de quatro meses em Salvador, a comédia “Um Velório Muito Estranho” entra em cartaz no TEATRO AMÉLIO AMORIM em  Feira de Santana.

“Um Velório Muito Estranho” é a mais nova montagem da Cia Teatral Dendé in Cena, com  produção de Fábio Lima, texto de Luiz Gomes e direção de Fernando Marinho. A comédia utiliza a fórmula que emplacou no teatro baiano, onde personagens femininos são interpretados por homens.

O trio Luiz Gomes, Fernando Marinho e o ator Adriano Lima se encontram mais uma vez nesta nova montagem. Eles já estiveram juntos em “Graxeira Graças a Deus”, outra comédia de sucesso no teatro baiano, e agora repetem o êxito. A montagem conta ainda com a presença dos atores Vitório Emanuel, Agê Habib, Gésner Braga e Sandro Rangel.

A peça conta a história de três irmãs solteiras, com personalidades bem distintas, filhas de Dona Encarnação do Amor Divino e herdeiras da fábrica de balas de banana Nego Bom do Amor Divino. Certo dia, a governanta Soledad descobre que a matriarca está morta. Toda a trama se desenrola em torno dos preparativos do velório, até que Tia Loló revela a existência de um testamento. A partir deste momento em que as filhas de Dona Encarnação acreditam que estão livres do domínio da mãe, algo novo acontece mudando totalmente a vida das irmãs Maria Júlia, Maria Aparecida e Maria das Graças.

Agenda

Local: Teatro do CCAAM (Centro de Cultura Amélio Amorim) | Feira de Santana

Horários: sexta-feira e sábado às 21h, domingo às 20h.

Obra da série rupestres, de autoria de Luiz Gomes.
Obra da série rupestres, de autoria de Luiz Gomes.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 109951 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]