Violência é tema da Aula Magna da Universidade Estadual de Feira de Santana

Professor Dr. Muniz Sodré profere Aula Magna na UEFS.Professor Dr. Muniz Sodré profere Aula Magna na UEFS.
Professor Dr. Muniz Sodré profere Aula Magna na UEFS.

Professor Dr. Muniz Sodré profere Aula Magna na UEFS.

A Aula Magna realizada na manhã desta segunda-feira (28/09/2009) abriu o primeiro semestre letivo de 2009. A abertura contou a palestra do professor e presidente da Fundação Biblioteca Nacional Muniz Sodré de Araújo Cabral. O tema da palestra foi Sociedade, Mídia e Violência.

O anfiteatro ficou lotado com a presença de professores, estudantes, jornalistas e radialistas. O grupo Afoxé Filhos da Luz, do bairro Campo Limpo, fez uma apresentação para a abertura do trabalho

A mesa de abertura foi composta pelo vice-reitor Washington Moura, o palestrante Muniz Sodré, o assessor especial da Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação, Gerônimo Rodrigues Souza, o professor Jean Cláudio representando a Adufs e a estudante Maria José Andrade Souza representando o DCE. Logo após a mesa ser desfeita, o pró-reitor de graduação Rubens Pereira fez uma introdução sobre o início do semestre letivo e passou a palavra ao palestrante.

Durante a fala, Muniz Sodré fez uma análise sobre a violência atual e explicou as duas modalidades existentes: a violência visível e a violência invisível. Segundo ele, existem os crimes e os assassinatos com requintes de crueldade. Mas existe também a violência institucional, que representa os cortes de verbas, a má administração, a prioridade de investimento muitas vezes injusta e que não garante o alimento à população, o estado indiferente. Esta violência institucional, classifica Sodré, é a violência invisível.

 Para Muniz Sodré, a mídia mostra apenas a violência visível, reduz os fatos a estatísticas, explora as imagens da crueldade, do medo da população. E o motivo, segundo ele, “o público gosta de cenas de violência mesmo não se identificando com o que vê. Essa é a explicação para tanta espetacularização da violência pela mídia”, salienta.

De acordo com ele, o antídoto para combater a violência é a escola. E diferente do que vem ocorrendo, o investimento do governo deve privilegiar a educação e a saúde.

Após a palestra, um debate foi aberto entre os participantes. Durante a Aula Magna, o Diretório Central dos Estudantes fez um trabalho corpo a corpo com os estudantes, além de entregar uma carta aberta sobre os problemas da instituição e os cortes de verbas feitos neste ano e os previstos para o ano que vem.

O professor Muniz Sodré é baiano de São Gonçalo dos Campos. Ele é graduado em Direito pela Universidade Federal da Bahia (Ufba), mestre em Sociologia da Informação e Comunicação – Université de Paris IV (Paris-Sorbonne), doutor em Ciência da Literatura pela UFRJ e livre-docente em Comunicação pela UFRJ, além de possuir cerca de 30 livros publicados nas áreas de Comunicação e Cultura.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Redação do Jornal Grande Bahia
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]