Carta enviada pelo presidente do legislativo feirense contra a extinção da Interlegis é defendida por César Borges no plenário do Senado

O Jornal Grande Bahia (JGB) é um site de notícias com publicações que abrangem as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador, dirigido e editado pelo jornalista e cientista social Carlos Augusto.O Jornal Grande Bahia (JGB) é um site de notícias com publicações que abrangem as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador, dirigido e editado pelo jornalista e cientista social Carlos Augusto.

O senador César Borges (PR-BA) defendeu hoje (17/09/2009) a continuação do serviço de capacitação de vereadores prestado através do Interlegis, um programa de integração dos legislativos municipais e estaduais realizado pelo Senado com recursos do Banco Interamericano de Desenvolvimento (BID). O senador leu em plenário nesta quinta-feira (17) uma carta enviada pelo presidente da Câmara de Vereadores de Feira de Santana, vereador Antonio Carlos Passos Ataíde, alertando para ameaça ao programa.

Na carta, o vereador de Feira de Santana protesta contra a sugestão de extinção do Interlegis, contida em nota oficial da bancada do PT no Senado, datada de 8 de julho passado. “Graças ao Programa Interlegis, inúmeras casas legislativas brasileiras adquiriram o primeiro computador, que é o nosso caso, e conseguiram acessar a grande rede mundial de computadores graças ao kit de acesso à internet cedido gratuitamente pelo programa”, diz o vereador na carta lida por César Borges.

César Borges assinalou que o Interlegis congrega mais de quatro mil câmaras de vereadores dando treinamento, equipamento, softwares livres e espaço virtual para criação de portais de informação dos legislativos. “Os vereadores precisam de apoio para prestar um bom serviço à democracia”, explicou. Segundo ele, não há gasto direto do Senado, que apenas cede instalações e funcionários. O Interlegis ainda equipou salas de videoconferência nas assembléias legislativas, criando a Rede Nacional Interlegis – RNI.

 O senador baiano lamentou que a Fundação Getúlio Vargas (FGV), no plano de reestruturação administrativa da Casa, indique a fusão do Interlegis com o Instituto Legislativo Brasileiro (ILB) e a Universidade do Legislativo (Unilegis). Em apoio, o senador Papaléo Paes (PSDB-AP) disse, em aparte, que prefere a calma, a organização e a responsabilidade, do que o açodamento em dar soluções rápidas. O senador Roberto Cavalcanti (PRB-PB) também se mostrou contrário à fusão.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Redação do Jornal Grande Bahia
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]