Repercute na mídia censura do Instituto Goethe ao ato de lançamento do site do deputado Emiliano José | Por Oldack Miranda

Oldack Miranda fez parte da resistência democrática e foi preso e torturado por prepostos da ditadura militar.
Oldack Miranda fez parte da resistência democrática e foi preso e torturado por prepostos da ditadura militar.

Os jornais A Tarde, Tribuna da Bahia e Jornal da Metrópole, cada um à sua maneira, registraram a censura do Instituto “Cultural” Brasil-Alemanha ao coquetel de lançamento do site do deputado federal Emiliano José (PT-BA).

Almocei outro dia no restaurante natural Gergelim, na Pituba, com o jornalista Arthur Andrade e ele me perguntou qual teria sido a razão. Afinal, o ICBA/Instituto Goethe de Salvador, durante a ditadura militar, sempre foi uma espécie de território livre para a intectualidade baiana, principalmente para os amantes de cinema. Eu respondi ao jornalista que os tempos eram outros, a direção era outra, a ideologia era outra.

O tempo passou e a nova direção do Instituto Goethe/ICBA não reconhece os três poderes da República. Digo isso porque se o espaço for requisitado pelo Poder Executivo, através da Secretaria da Cultura ou Ministério da Cultura, tudo bem. Se o espaço for requisitado pelo Poder Judiciário para um seminário de desembargadores, tudo bem. Mas, para o Poder Legislativo, ah, isso não. Poder Legislativo remete a parlamentares, à política e, política, não. É uma herança filosófica do nazismo. Hitler detestava política e políticos. O pessoal do Instituto Goethe precisa pensar melhor e se libertar desse ranço. A democracia e os três poderes vieram para ficar.

LEIA O REGISTRO DO SITE BAHIA EM PAUTA

ICBA cancela ato de Emiliano e rompe laços antigos
Fonte: Blog Bahia em Pauta (27/07)

Não convidem para dividir o mesmo prato de boa salsicha da Bavária, servida com pão de forno de lenha quentinho, o deputado federal Emiliano José (PT-BA) e os atuais diretores do Instituto Cultural Brasil-Alemanha em Salvador.

O parlamentar e ex-professor da Escola de Comunicação da UFBA e seus assessores não ficaram nada contentes – para dizer o mínimo – com a decisão do ICBA de cancelar o ato de lançamento do novo site do parlamentar, marcada para hoje (27/7), no tradicional casarão de cultura da Vitória.

Pior que a atitude em si foi o motivo alegado pelo tradicionalmente liberal Instituto Goethe para cancelar a festa de Emiliano na última hora: “O Goethe afirmou aos organizadores que a Casa não comporta eventos de interesses políticos, “apesar de ter recebido 50% do valor do aluguel adiantado”, segundo detona a nota distribuída pela assessoria de comunicação do parlamentar.

Os organizadores da festa petista asseguram que os responsáveis pelo ICBA sabiam que seria o lançamento do site de um deputado federal e só comunicaram o cancelamento na sexta-feira (24), quando o evento já tinha sido divulgado e os convites já estavam na rua. “Em breve serão informados o novo local e data do lançamento”, completa o comunicado.

Mas nem tudo se encerra aí. Está em perigo, como se vê, uma relação que vem de longe e parecia inabalável entre o atual parlamentar petista e o Goethe da Bahia. Laços formados desde a origem da Jornada de Cinema da Bahia, tempo em que o ICBA de Salvador era um território exemplar de liberdade política e as portas do casarão da Vitória estavam sempre abertas para Emiliano e para as manifestações mais livres na Salvador de outras décadas.
Uma pena!
(Postado por: Vitor Hugo Soares)

LEIA O REGISTRO DO SITE BAHIA DE FATO

Diretoria do ICBA censura evento de deputado do PT da Bahia
Fonte: Blog Bahia de Fato (25/07)

Você não vai acreditar. Está cancelado o lançamento do novo site do deputado federal Emiliano José (PT-BA), que seria na próxima segunda-feira (27), no espaço externo do Instituto Cultural Brasil-Alemanha (Instituto Goethe). A assessoria de comunicação do parlamentar discretamente explica que houve “problemas no espaço”.

O problema foi que uma diretora que não ouso dizer o nome, depois de receber 50% de sinal e confirmar o evento, avisou que estava desfeito o negócio por se tratar de evento de POLÍTICO.

Isso é uma grande decepção. O Instituto Cultural Brasil-Alemanha (Instituto Goethe) durante a ditadura militar era uma espécie de território livre da esquerda, da universidade, dos cinéfilos e atores. Passada a ditadura, em plena democracia, uma diretora desfaz um contrato com este argumento fascista? Heil Hitler!.

Emiliano José, jornalista, escritor, doutor em comunicação, agora deputado federal, vai fazer o lançamento de seu novo site construído pela agência de publicidade Olhos D´Água, com direito a twiter, Orkut, youTube, biografia, fotos e textos.

Nova data será marcada, em algum espaço democrático.

*Por Oldack de Miranda é jornalista, escritor (foi co-autor do livro biográfico Lamarca, Capitão da Guerrilha), é Assessor de Comunicação e Ouvidor Especializado do DESENBAHIA – Agência de Fomento do Estado da Bahia S.A. Publica diariamente textos jornalísticos e artigos no blog Bahia de Fato

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 116891 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.