Jóia da Princesa será fechado para reforma

O Jornal Grande Bahia (JGB) é um site de notícias com publicações que abrangem as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador, dirigido e editado pelo jornalista e cientista social Carlos Augusto.
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um site de notícias com publicações que abrangem as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador, dirigido e editado pelo jornalista e cientista social Carlos Augusto.

Os times de Feira de Santana que irão disputar a Taça Governador do Estado da Bahia, que tem início previsto para meados de setembro de 2009, terão que definir um novo mando de campo para seus jogos. Isto porque o Jóia da Princesa será fechado para reforma no gramado a partir da próxima semana. O anúncio foi feito pelo diretor de Esportes do município, Wilson Passos.

O objetivo é preparar a praça esportiva para estar em boas condições de sediar jogos de três times profissionais no próximo ano: Fluminense, Feirense e Bahia de Feira. “Temos que nos reunir nesse momento para ver o que podemos fazer pelo gramado em 2010. Porque para a nossa felicidade Feira de Santana é hoje a cidade do futebol profissional no estado da Bahia. São três equipes”, pontuou.

O diretor informou que uma avaliação ainda será feita, mas não descarta a possibilidade de que o gramado seja totalmente substituído. “Aí entra um detalhe importante que é a questão da própria ação orçamentária. Para trocar um gramado é um dinheiro alto. Mas não podendo fazer isso agora, alguma coisa vamos poder fazer para melhorar”, assegura.

Passos observa que a atual condição do gramado já requer sérios cuidados. “O Jóia da Princesa tem hoje quase 10 tipos diferentes de grama. Há um desnível muito grande. São muitas ondulações. Eu não sou técnico no assunto, mas as conversas que eu tenho tido com o José Fernandes (administrador do estádio) é de que alguma coisa temos que fazer para podermos receber três times em 2010”, reitera.

VILA OLÍMPICA

Com a conclusão da reforma da Vila Olímpica dos Amadores, o diretor acredita que aquela praça esportiva está apta a receber jogos de pequeno porte, e quiçá competições oficiais como Taça Governador do Estado. “Os jogos na Vila podem ser também uma fonte de receita para a Liga Feirense de Desportos. E quem sabe ano que vem abrigar jogos de pequeno porte, até para desafogar o Jóia da Princesa”, observa.

Passos explica que a quantidade de jogos realizados no Jóia vem afetando as condições do gramado. “Com toda essa sobrecarga de jogos que tivemos no primeiro semestre, e ainda os campeonatos que deverão acontecer agora, a Taça Governador do Estado, Campeonato Baiano Feminino, Campeonato Baiano Juvenil e Juniores, Intermunicipal, caso não haja esse intervalo, não poderemos cobrar nada do gramado do Jóia da Princesa no próximo ano”.

O dietor assegurou que já vem conversando com todos os dirigentes dos clubes de futebol da cidade no sentido de viabilizar a reforma no estádio sem prejuízos para nenhuma das agremiações. “Isso é importante para que possamos cuidar de um patrimônio da cidade, que é o estádio Jóia da Princesa”, considera. (

*Com informação do site ofutebol.com.br.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 111141 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]