Orquestra Sinfônica Juvenil 2 de Julho faz apresentações em São Paulo

Logomarca do Jornal Grande Bahia.
Logomarca do Jornal Grande Bahia.

A Orquestra Sinfônica Juvenil 2 de Julho (J2J), primeira formação do projeto Neojibá (Núcleos Estaduais de Orquestras Juvenis e Infantis da Bahia), vai estrear fora do estado. Nestes sábado e domingo 4 e 5 de julho de 2009, a orquestra faz duas apresentações no estado de São Paulo. Sábado, concerto no SESC Itaquera, às 15h, na capital paulista, e domingo, no Festival Internacional de Inverno de Campos do Jordão, às 16h. Sob a regência do maestro Ricardo Castro, a orquestra executará programa formado por músicas clássicas de compositores do Brasil, Argentina e Europa.

Para as duas apresentações, foram escolhidas a Abertura dos Mestres Cantores de Nuremberg, de Richard Wagner, Romeu e Julieta – Fantasia e March Slav, ambos de Tchaikovsky, trechos de Carmen nº 1, do compositor francês Georges Bizet, Suíte Estância, do argentino Alberto Ginastera, Danzon nº 02, de Arturo Marquez, Batuque, de Lorenzo Fernandez, único compositor brasileiro do programa.

Primeira orquestra baiana a se apresentar no Festival Internacional de Inverno de Campos do Jordão, considerado o maior e mais importante evento de música clássica da América Latina, a J2J estará no mesmo dia que a Orquestra Sinfônica Jovem do Estado de São Paulo, com regência de João Maurício Galindo, e o solista Antonio Lauro del Claro (violoncelo) e o Coro de Câmara da Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo, sob regência de Naomi Munakata.

Primeira formação do Neojibá, a J2J é composta por 80 integrantes, de 10 a 25 anos, e tem atividades regulares de segunda a sexta-feira no TCA. Os ensaios gerais são coordenados pelos músicos profissionais envolvidos no projeto Neojibá. Já os ensaios de naipe (de cada instrumento) são de responsabilidade dos jovens monitores que viajaram à Venezuela – onde existe o projeto Fesnojiv de formação de orquestras e coros juvenis e infantis, que inspirou a criação do Neojibá – e receberam formação para essa atuação. Músicos da Osba também participam, periodicamente, dando apoio técnico aos naipes ou particularmente a algum dos integrantes do Neojibá que necessite de reforço.

O projeto Neojibá é promovido pela Secretaria de Cultura, por intermédio do Teatro Castro Alves e Orquestra Sinfônica da Bahia (Osba), e tem coordenação do maestro e pianista Ricardo Castro. A J2J já se apresentou em diversos eventos e locais na Bahia. A orquestra integrou a programação cultural das Cúpula das Américas, sediada em Costa do Sauípe, em 2008, que contou com as presenças de chefes de Estado e de governo de países das Américas Latina e do Sul.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 120718 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.