Juazeiro – 20ª Fenagri deve movimentar R$ 100 milhões

A 20ª Fenagri acontece até este sábado (18/07/2009), no campus III da Universidade Estadual da Bahia (Uneb), com o tema “A Sustentabilidade na Hortifruticultura Irrigada do Vale do São Francisco – Cenários, Desafios e Perspectivas”. A expectativa é movimentar aproximadamente R$ 100 milhões.

“A feira mostra o potencial de toda a região de Juazeiro. É a melhor vitrine para se fechar bons negócios. Eu fico feliz em saber que entre os vinhos que os americanos e franceses tomam está o nosso. Temos que cada vez mais nos unir com o empresariado de Petrolina e juntos crescermos cada vez mais. Disputa não faz parte deste governo”, concluiu o governador.

Pela primeira vez o presidente da Cooperativa de Apicultores de Irecê (Coapti),Gilcélio Nunes, está expondo na feira. A expectativa é conseguir em três dias dobrar o faturamento de um mês inteiro. “Num mês comum conseguimos faturar no mês cerca de R$ 250. Aqui na feira a meta é atingir os R$ 500 em três dias. Pela movimentação e a quantidade de visitação que eu já tive acho que conseguirei”, disse.

Considerada uma das feiras mais importantes do país, assume um novo conceito ao ser elaborada seguindo quatro vertentes: estímulo ao empreendedorismo; inovação tecnológica; negócios e difusão de conhecimento e tecnologia. Dentre as atividades a serem realizadas estão minicursos, seminários, visitas técnicas e encontros empresariais, que acontecerão numa área de 15 mil metros quadrados.

“A feira antes tinha um conceito de festa. A festa agora é fazer negócios. Fortalecer a fruticultura e aumentar as linhas de créditos e discutir questões como tecnologia e sustentabilidade para os pequenos produtores”, ressaltou o secretário da Agricultura, Roberto Muniz.

Antes da abertura da feira, o governador premiou alguns alunos das escolas da rede municipal de ensino que participaram do concurso de redação da Fenagri 2009. No total 25 escolas participaram. O tema da redação foi “A influência da agricultura irrigada no Vale do São Francisco”. Os três primeiros lugares foram premiados com bicicleta, mp3 e um relógio de pulso respectivamente. A escola Municipal Antônio Francisco de Oliveira revelou Maysa Carvalho como a melhor redatora e, por isso,  ganhou um computador completo.

 Frigorífico vai atender toda a região 

O município ganhou ainda um frigorífico regional, fruto da política de atração de investimentos do governo. Foram investidos R$ 8,5 milhões, sendo R$ 2,5 milhões de recursos financiados pelo Banco do Nordeste e R$ 6 milhões de recursos próprios da empresa.

O local terá capacidade para abater, anualmente, 8 mil bovinos, 4 mil caprinos/ovinos e 1,5 mil suínos. O empreendimento irá gerar 120 empregos diretos. Na primeira fase as atividades serão direcionadas à produção de embutidos e na segunda à fabricação de ração para peixes e aves.

“Precisamos verticalizar as cadeias. Não podemos mais ter o abate como sempre se teve anteriormente. Agora é necessário seguir as regras da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). O frigorífico vai melhorar a vida de quem vive do gado e garantir a sustentabilidade”, finalizou.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 109704 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]