Unesco elege cidade Peru como Patrimônio Mundial da Humanidade; Caral abrigou complexa sociedade pré-colombiana.

A Civilização de Caral (também Caral-Supe ou Norte Chico) foi uma sociedade complexa pré-colombiana que incluiu cerca de 30 grandes centros populacionais, onde hoje é a região centro-norte da costa do Peru.

A Civilização de Caral (também Caral-Supe ou Norte Chico) foi uma sociedade complexa pré-colombiana que incluiu cerca de 30 grandes centros populacionais, onde hoje é a região centro-norte da costa do Peru.

A Organização das Nações Unidas para a Educação a Ciência e a Cultura (UNESCO) destacou a excepcional preservação de Caral, no Vale Supe e a complexidade da arquitetura desta cidade, considerada sagrada para os povos indígenas dos Andes central.

A Organização das Nações Unidas para Educação, Ciência e Cultura, Unesco, incluiu nesta segunda-feira, a cidade peruana de Caral-Supe na lista de Patrimônio Mundial da Humanidade.

Excepcional Preservação

Caral-Supe, um sitio arqueológico de 5 mil anos, abrange 600 hectares e está localizado em uma região desértica próxima ao vale do rio Supe. O local apresenta monumentos de pedra, construções em forma de pirâmide e é considerado o povoado mais antigo das Américas.

A Unesco destacou a excepcional preservação de Caral-Supe e a complexidade da arquitetura desta cidade, considerada sagrada para os povos indígenas dos Andes central.

A lista de Unesco também inclui o monte Wutai, na China, as tumbas reais da disnastia Jeseon, na Coréia do Sul, e a Torre de Hércules, na Espanha.

*Com informações da Rádio ONU.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Redação do Jornal Grande Bahia
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]