Protesto contra impostos reduz em 50% preço da gasolina no Rio de Janeiro

Logomarca do Jornal Grande Bahia.
Logomarca do Jornal Grande Bahia.

Um posto de gasolina da rede Repsol, no bairro Botafogo, no Rio de Janeiro, ofereceu cinco mil litros de gasolina pela metade do preço aos seus clientes hoje (25/05/2009). A redução foi possível porque um grupo de empresários e organizações não governamentais ligadas ao movimento Um Dia sem Impostos subsidiou o valor referentes aos impostos (Cide, PIS, Cofins e ICMS) sobre a gasolina, cerca de 53% do valor cobrado todos os dias.

Homens vestidos com fantasia de palhaço orientavam os motoristas. De acordo com o coordenador do movimento, o empresário Túlio Severo, o protesto ocorre simultaneamente em Belo Horizonte, São Paulo e Porto Alegre. O objetivo, acrescentou, é alertar a população sobre a alta carga tributária, o que prejudica principalmente a população de baixa renda.

“Quem vive com dez salários mínimos paga o mesmo imposto que o que recebe um salário mínimo. É uma palhaçada a gente pagar tanto imposto e ter tão pouco benefício”, disse Severo. “E para as coisas ocorram é a sociedade civil quem tem que se mobilizar e fazer valer os seus direitos.”

Uma das cobranças que, segundo ele, deve ser feita pela população é a aprovação da reforma tributária, que está parada no Congresso desde fevereiro de 2008 . O empresário lembrou que a escolha da data para protestar foi intencional, já que hoje o brasileiro completa 147 dias trabalhado só para pagar impostos.

“Não somos contra os impostos. Eles são fundamentais para a sociedade moderna quando bem aplicados. E, no caso do Brasil, a redução de cobranças trará benefícios para o governo, porque vai permitir mais circulação de dinheiro e produção, logo, mais impostos”.

Na fila quilométrica, motoristas estavam dispostos a esperar sob sol forte para pagar R$ 1,27 o litro do combustível, em lugar dos habituais R$ 2,54. O taxista Renato Pimental de Andrade, 47 anos, esperou uma hora e meia e disse que valeu à pena. “Tinham que abaixar esse preço ainda mais: para R$ 2 e fazer isso todos os dias. Nossa gasolina é uma das mais caras do mundo”.

Foram espalhado cartazes no posto mostrando o valor dos impostos em produtos básicos como a pasta de dente, cujo valor da taxa tributária é de 42% sobre o preço cobrado ao consumidor, e o café, que tem 36,52% de impostos incidindo sobre o preço final.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 116499 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.