FTC Feira garante mais de 900 vagas para estacionamento de veículos

Logomarca do Jornal Grande Bahia.
Logomarca do Jornal Grande Bahia.

A Câmara Municipal de Feira de Santana acaba de aprovar uma nova lei, que cria normas para instalação e funcionamento de instituições de ensino superior na cidade, no que se refere à disponibilidade de vagas em estacionamento para os alunos. Antes mesmo da obrigatoriedade legal, a FTC Feira mantém em seu campus, na rua Artêmia Pires Freitas, bairro Sim, mais de 900 vagas destinadas aos estudantes, professores e demais colaboradores.

De acordo com a lei, faculdades e universidades instaladas na cidade, assim como os novos empreendimentos, deverão disponibilizar o equivalente a 30 por cento do total de alunos matriculados em número de vagas em estacionamento. Isso quer dizer que a FTC Feira está dentro do limite estabelecido, além de dispor de área reservada para projeto de expansão, conforme lembra o diretor geral da unidade, professor Heraldo Morais.

Aprovada em duas discussões pelos vereadores, a lei, que determina a adequação das instituições de ensino já em funcionamento em um prazo de seis meses, ainda passará pela apreciação do prefeito Tarcízio Pimenta, a quem caberá decidir pela sanção ou pelo veto. Caso o chefe do Executivo não se pronuncie em 15 dias após o recebimento da matéria, a própria Câmara deverá promulgar e publicar a lei, para que a mesma entre em vigor.

A lei que disciplina os estacionamentos das instituições de ensino superior em Feira de Santana é de autoria do vereador David Neto e foi aprovada depois de discussões polêmicas no plenário da Casa da Cidadania. Apenas cinco vereadores votaram contra o projeto, sendo que antes da votação dois deles tentaram alterar a proposta, através de emendas. No final, o texto original foi mantido.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 109790 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]