Crise pode deixar 3 milhões desempregados na AL

Logomarca do Jornal Grande Bahia.
Logomarca do Jornal Grande Bahia.

Informação é da Organização Internacional do Trabalho, OIT, na América Latina e Caribe; taxa de desemprego urbano pode chegar a 8,8%, a a maior desde 2003.

A sede para América Latina e Caribe da Organização Internacional do Trabalho, OIT, informou que a crise econômica pode causar de 2,3 a 3,2 milhões de desempregados nos países da região ainda este ano.

A previsão é a pior dos últimos três anos, segundo o diretor do Escritório da OIT, com sede em Lima, no Peru, Jean Maninat.

Proteção Social

De acordo com a OIT regional, a taxa de desemprego urbano poderá chegar a 8,8%, a mais alta desde 2003.

A agência da ONU afirma que para combater o problema, os países precisam reforçar suas políticas de proteção social.

Os números tiveram que ser revistos por causa da variação negativa do Produto Interno Bruto, PIB, da região de -0,3% anunciada pela Cepal e de -1,5% indicada pelo Fundo Monetário Internacional, FMI.

Em 2008, cerca de 16 mihões de pessoas estavam desempregadas nos países latino-americanos e caribenhos.

Segundo a OIT, a população economicamente ativa da região é de mais de 217 milhões de pessoas.

*Com informação da Rádio ONU.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 116569 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: editor@jornalgrandebahia.com.br.