População de Antonio Cardoso se prepara para comemorar em alto estilo o aniversário da cidade

Logomarca do Jornal Grande Bahia
Logomarca do Jornal Grande Bahia

No dia 18 de abril/2009, o povo cardosense está em festas em comemoração ao aniversário de 47 anos da criação do município. Terra natal de diversos valores que se destacam em diversas áreas de atividade, teve o seu primeiro bacharel em Direito pouco antes de sua emancipação – o Dr. Antônio Pinheiro de Queiroz, advogado e docente ilustre de renomadas faculdades de Direito da capital. Na seqüência, também com formação em Direito, vêm Jaime Teles do Nascimento, Lula Cardoso, advogados militantes na região de Feira de Santana. Registra-se ainda, entre muitos valores da referida terra, o Prof. Pedro Borges dos Anjos, cardosense/cachoeirano, mestre em língua Inglesa, poliglota, com cursos de especialização realizados nos Estados Unidos, ex-integrante do Gabinete do Governador da Bahia, atualmente radicado e exercendo suas atividades profissionais na cidade da Cachoeira, na direção geral do Instituto de Idiomas Polycenter e como professor titular de Hebraico e Grego nas Faculdades de Letras e Teologia instaladas nas cidades vizinhas da região.

Dados históricos revelam que o arraial, antes habitado por índios da tribo tupinambás, as primeiras intervenções do homem branco só ocorreram no final do século XVII por padres jesuítas procedentes dos conventos erigidos em Cachoeira. Esses jesuítas estabeleceram-se exatamente onde é hoje a sede do município. Na localidade, construíram uma capela sob a invocação de Nossa Senhora do Resgate. Em 1843, o Povoado foi elevado à categoria de freguesia com a denominação de Nossa Senhora do Resgate das Umburanas, nome primitivo do arraial. As terras que integravam o Povoado de Umburanas, logo que foi criado o município de São Gonçalo dos Campos, no ano de 1884, foram anexadas ao seu território, como um dos mais importantes para a economia da nova unidade municipal, por conta de suas terras, naquele período, serem muito propícias à cultura do fumo, da mandioca, feijão, milho, hortigranjeiros, agricultura em geral. Decretos do governo mudaram o nome de Umburanas para Uberlândia, em 1938 e para Tinguatiba, em 1943. As mudanças de nome para Uberlândia e Tinguatiba não sortiram efeitos, pois, os nativos e os de fora sempre se referiam ao arraial como Umburanas. Com a emancipação, em 1962, o município recebeu o nome de Antônio Cardoso, com que familiares e lideranças políticas da comunidade homenageiam a memória de Antônio Cardoso, respeitado e temido chefe político do local, fazendeiro, considerado autoridade de forte referência em toda a região, proprietário da antiga Fazenda Lagoa.

O primeiro prefeito do município foi Antônio Cardoso Neto, sucendo-lhe no Poder, o filho Roque Cardoso, o primo Luiz Cardoso. A soberania do nome Cardoso sustentou-se no Poder durante sucessivas administrações, só sendo interrompida anos depois por outros valores da comunidade, com que o município pôde ter como seu prefeito Antônio Santiago, o advogado Jaime Teles e o carlista Baixa Fria. A atual prefeita é Maria Angélica Lopes Carvalho, militante dos quadros do PMDB, reeleita nas eleições de outubro de 2008.

Localização – o município de Antônio Cardoso dista da capital 139km, localizado no centro norte baiano, bem próximo à cidade de Feira de Santana. Chega-se à cidade por estrada asfaltada, pela transversal do Km 25, pela rodovia direção Feira de Santana/Rio de Janeiro.

Limites – seu território limita-se com os municípios de Feira de Santana, Santo Estevão, Ipecaetá, Cabaceiras do Paraguaçu, São Gonçalo dos Campos e Conceição da Feira.

Atrações – toda a localidade é reconhecidamente muito aprazível, principalmente nas proximidades do Rio Jacuípe, principal afluente do Rio Paraguaçu. Com a represa das águas por força da Barragem de Pedra do Cavalo, as comunidades mais próximas ao Rio, ganharam visual panorâmico muito atrativo. Há um restaurante especializado em comidas típicas da região, em terras da antiga Fazenda Campinhos, bem em frente ao grande volume de águas do Jacuípe constituindo para quantos ali freqüentam espetáculo de rara beleza.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 112673 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]