Músico lança CD “Jair Luz” batizado com o seu nome

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Logomarca do Jornal Grande Bahia.
Logomarca do Jornal Grande Bahia.

Nascido em Salvador (BA), Jair Luz apresenta ao público seu primeiro álbum. Lançado pela gravadora Obi Music, o CD foi batizado com o nome do cantor, compositor e instrumentista.

“Jair Luz” foi gravado entre junho e julho de 2008, no Estúdio Cia. Do Som, em Jundiaí , interior de São Paulo, e traz 13 faixas, 11 delas de sua autoria e duas em parceria com a cantora Fernanda Noronha, com quem já compôs mais de 300 músicas. A produção do disco é assinada por Paulo Calasans, maestro, arranjador e pianista, que já produziu grandes nomes como Cássia Eller, Jorge Vercillo, Djavan e Gilberto Gil.

Jornal Grande Bahia: O que te inspira compor?

Jair Luz: A vida, as pessoas, enfim toda forma de sentimento que existe é substancial para o meu processo de criação.

JGB: Como foi a experiência de tocar no Hotel Pestana quase diariamente? Cria-se um vínculo com os fãs/hospedes que se hospedam com frequência no hotel?

Jair Luz: Criam-se realmente vários vínculos, inclusive o do aprendizado cotidiano com a música. Eu aprendi com a convivência com várias pessoas a executar João Gilberto e ao mesmo tempo Paul McCartney. Eu aprendi muito na noite, ela é uma escola de tamanha grandeza para nós músicos. Não que seja única, mas ao meu ver é mais uma opção de aprendizado.

JGB: Como foi a parceria para estas músicas que você compôs para o programa da Tv Cultura? O programa já tem estréia prevista?
Jair Luz: Tudo aconteceu assim. Eu convidei Fernanda (Noronha) para compor comigo, através dela eu conheci uma produtora que gostou das nossas músicas e nos convidou posteriormente para esta produção lúdica. Deve rodar ainda neste semestre.

JGB: Você morou em Feira, certo? É um lugar que ajuda na composição
das músicas? Conte para nós se tiver alguma em especial inspirada na cidade.

Jair Luz: Rapaz! Eu sou apaixonado por Feira de Santana, eu nasci em Salvador porém me criei em Feira, eu poderia citar diversos motivos. Das canções deste meu primeiro álbum eu explicitamente declaro o meu grande por esta cidade maravilhosa que é Feira de Santana. Parafraseando os versos do grande artista feirense Luis Caldas: “Se o estrelato maior é Beverly Hills ainda prefiro Feira”. (Apenas mudei a paixão do Rio por Feira).

JGB: Como foi sua experiência internacional em Portugal? Pretende fazer outra turnê deste tipo?

Jair Luz: Pretendo sempre cantar fora do Brasil, foi uma experiência fantástica, eu aprendi muito, é outra cultura e cultura é sempre bom agregar.
Feira Hoje: Você vai a shows ai em Salvador? Tem algum artista em especial que veja com frequência?

Jair Luz: Apesar de gostar muito mais de João Gilberto, gosto de tudo quando o assunto é música. A única coisa que eu não consigo gostar respeitando sempre, é música com conteúdo vulgar e com mensagens negativas, no mais se tiver qualidade pode ser forró, carnaval, rock, samba, teve uma boa intenção eu estou dentro.

Foi um grande prazer ter falado com todos vocês aí da cidade que amo demais da conta, especialmente com a família Feira Hoje.

Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 113566 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]