Bahia perde status de principal Estado turístico do Nordeste

Logomarca do Jornal Grande Bahia.
Logomarca do Jornal Grande Bahia.

O deputado João Carlos Bacelar (PTN) destacou hoje, que a Bahia perdeu o status de principal estado captador do turismo do Nordeste e o principal reflexo disso é a queda no movimento do Aeroporto Internacional de Salvador. De acordo com o deputado, Salvador é a única capital do Nordeste cujo movimento em 2009 foi menor que em 2008. “Dados da Infraero mostram que o aeroporto de Salvador teve queda no número de passageiros em pleno Verão, alta estação turística”, lamentou Bacelar.

Ainda de acordo com o deputado, em janeiro deste ano o fluxo de turistas foi de 488.105 passageiros, contra 631.956 registrado em 2008. “Essa queda não reflete a tendência nacional. Houve crescimento do fluxo turístico nas principais cidades turísticas do país, sobretudo nas capitais do Nordeste. Recife, por exemplo, pulou de 455.846 no ano passado, para 513.428 em janeiro deste ano. Fortaleza saiu de 363.120 em janeiro de 2008, para 405.872 este ano. Natal aumentou de 185.845 em 2008 para 203.517 este ano. E este crescimento também aconteceu em cidades de menor expressão turística como Teresina, João Pessoa e Maceió”, garante o parlamentar.

Bacelar destacou que entre 2007 e 2009 o fluxo de passageiros aumentou 14,82% no Nordeste, puxado sobretudo pelo Aeroporto de Recife, com crescimento de 25,83%, enquanto o Aeroporto de Salvador teve queda de 27,52%. “Outro dado ruim para o turismo baiano é o fluxo de passageiros estrangeiros. Depois de muito trabalho para transformar o Aeroporto de Salvador no terceiro principal portão de entrada do turista vindo do exterior, a Bahia perdeu a posição para Porto Alegre. Durante todo o ano de 2008, a Bahia teve uma movimentação de 385.602 passageiros internacionais, enquanto Porto Alegre recebeu 398.206 estrangeiros, uma cidade que não tem tradição turística tão forte quanto a Bahia. A Bahia só faz perder posições. Perdemos o quarto lugar em captação de turistas internacionais para o Rio Grande do Sul. Perdemos o lugar de principal aeroporto do Nordeste para Pernambuco e estamos seguindo a passos largos para o terceiro aeroporto da região, atrás do Ceará”, afirmou o parlamentar.

“O desempenho de Salvador no ano passado foi inferior ao de 2007, quando a capital baiana recebeu 412.920 passageiros internacionais. Comparando com Porto Alegre, 2007 a capital gaucha recebeu 367.717 passageiros internacionais. Ou seja, a Bahia perdeu cerca de 15 mil passageiros em um ano, enquanto o Rio Grande do Sul aumentou 30 mil passageiros em um ano. Enquanto isso, a grande preocupação do governo baianos não é a captação de turismo, não é melhorar as coisas na Bahia, mas a modificação do nome do Aeroporto de Salvador”, concluiu Bacelar.

Banner do JGB: Campanha ‘Siga a página do Jornal Grande Bahia no Google Notícias’.
Sobre Redação do Jornal Grande Bahia 112616 Artigos
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]