Nada será como antes | Por Zézé Esteves

O Jornal Grande Bahia (JGB) é um site de notícias com publicações que abrangem as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador, dirigido e editado pelo jornalista e cientista social Carlos Augusto.O Jornal Grande Bahia (JGB) é um site de notícias com publicações que abrangem as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador, dirigido e editado pelo jornalista e cientista social Carlos Augusto.

Dias atrás em meio aos preparativos das festas de fim de ano, perguntei a um amigo onde ele iria passar a noite do reveillon. “Em casa dormindo. Será uma noite igual às outras”, respondeu. Esta resposta me fez refletir um pouco. Acredito que nenhuma noite é igual a outra. Nenhum segundo é igual ao outro. Numa pequena fração de tempo tudo pode acontecer.

Enquanto no Brasil dormimos comemorando o recorde em número de empregos formais no país, acordamos calculando como vamos pagar o IPVA, IPTU, fardamento, material e matrícula escolar.

Enquanto milhares de pessoas comemoram o tradicional reveillon na praia de Copacabana no Rio de Janeiro, perto dali crianças são usadas para o tráfico de drogas.

Enquanto bebês nascem à meia noite do último dia do ano, mães choram em silêncio temendo não poder alimentá-los, vesti-los ou educá-los adequadamente.

Enquanto muitos oferecem presentes a Iemanjá ou rezam e agradecem a Deus por graças alcançadas, outros nem se lembram Dele.

Enquanto canais de televisão mostram a retrospectiva do ano que passou, nos questionamos atônitos o porquê da ofensiva na Faixa de Gaza onde dezenas de israelenses e palestinos se matam insanamente ou o porquê de tantas tragédias como a de Santa Catarina que sofre a maior tragédia natural da sua história. No final de novembro último, com as fortes chuvas e enchentes, cidades inteiras foram destruídas e mais de 100 pessoas morreram. O número de desalojados chegou a superar 78 mil.

Enquanto índices de popularidade do Presidente Lula são altamente divulgados pela mídia, comemorados por especialistas e explorados por políticos, milhares de pessoas sequer têm o que comer regularmente.

Enquanto sonhamos com calçados novos para as festas, centenas de pessoas sonham com o dia em que poderão colocar os pés no chão e voltar a andar.

Enquanto escrevo este texto todos estamos envelhecendo a cada fração de segundo e esta é a única realidade inabalável. Todas as outras só dependem de nós mesmos. E como diz Lulu Santos, “nada do que foi será do jeito que já foi um dia”.

Feliz segundo novo!!

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Redação do Jornal Grande Bahia
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]