Feira de Santana avanços e desafios no setor de saúde | Por Carlos Lima

O Jornal Grande Bahia (JGB) é um site de notícias com publicações que abrangem as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador, dirigido e editado pelo jornalista e cientista social Carlos Augusto.O Jornal Grande Bahia (JGB) é um site de notícias com publicações que abrangem as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador, dirigido e editado pelo jornalista e cientista social Carlos Augusto.

As políticas de saúde que devem ser implementadas em Feira de Santana requerem uma atenção diferenciada, principalmente no que diz respeito à formulação e à estruturação de serviços de saúde, para que possam oferecer cuidado integral aos feirenses e aos municípios pactuados.
O estabelecimento do SUS, no Brasil, a partir de 1988, garantiu, no papel e em termos legais, o acesso universal, igualitário e integral a serviços e ações de saúde. É preciso tornar realidade concreta esse princípio legal.

Devemos reconhecer que após 20 anos da implantação do SUS houve expansão dos serviços em todas as regiões do país nos quase de seis mil municípios, pelo menos no que diz respeito à atenção básica.

Foram implantados conselhos de saúde nos municípios para fiscalizar, discutir, avaliar e deliberar sobre as ações de saúde. Entretanto continuam amordaçados, não conseguiram a plenitude de suas responsabilidades, infelizmente observamos que as dificuldades de fiscalizar, deliberar e desenvolver a justiça social nos serviços de saúde para responder às demandas dos diferentes segmentos da população, especialmente nas áreas mais pobres das grandes, médias e pequenas cidades é praticamente impossível na composição atual.

As condições objetivas existem. Entretanto, interesses outros, que podem ser políticos e até mesmo mercantilistas nublam e adiam as decisões que fortaleceriam a integralidade dos serviços e das ações de saúde.

Feira de Santana nos últimos oito anos procurou revelar, na sua administração, uma vontade de superar as dificuldades impostas pela pluralidade de poder no processo de decisão, visando atender a parte mais pobre da acentuada fragmentação social existente em Feira de Santana.
O nosso município possui bolsões de pobreza e miséria, ambiente que proporciona diferentes riscos de adoecer e morrer, portanto é necessário respostas diferenciadas na oferta de serviços de saúde pelo SUS. Esse pode ser o maior desafio do prefeito para responder aos compromissos assumidos. Em Feira de Santana ainda existem grupos populacionais sem acesso digno aos serviços de saúde. O feirense espera que o Poder Público Municipal possa perceber esse imenso leque de demandas. Sem dúvida será um grande desafio para essa administração que se inicia.

Compartilhe e Comente

Redes sociais do JGB

Faça uma doação ao JGB

About the Author

Redação do Jornal Grande Bahia
O Jornal Grande Bahia (JGB) é um portal de notícias com sede em Feira de Santana e abrange as Regiões Metropolitanas de Feira de Santana e Salvador. Para enviar informações, fazer denúncias ou comunicar erros do jornal mantenha contato através do e-mail: [email protected]